PUBLICIDADE
Topo

Cléber Machado lembra irritação da torcida do Sport na Copa do Brasil 2008

Do UOL, em São Paulo

13/05/2020 13h13

O Corinthians estava na Série B do Campeonato Brasileiro, mas tinha a chance de conquistar a Copa do Brasil em uma final contra o Sport, que conseguiu seu primeiro título da competição em 2008. O clube pernambucano, que hoje completa 115 anos, será homenageado com a reexibição do jogo final e a torcida se lembrou do incômodo com a narração de Cléber Machado na TV Globo por um comentários sobre a entrevista pós-jogo de Carlinhos Bala e na ênfase dada ao segundo gol na Ilha do Retiro.

Cléber Machado se recorda da situação em sua entrevista dada na estreia do programa Os Canalhas no UOL, e declara que o que mais acontece é o torcedor de um clube achar que o narrador dá preferência ao outro no momento de narrar um gol. Até o volume da narração do gol e da declaração do título do Sport ao final do jogo viraram motivo de crítica.

"Teve um jogo que ficou acho que até hoje os caras reclamam, uma final de Copa do Brasil em 2008, Sport e Corinthians. O Corinthians estava ganhando o jogo e o fez um gol, acho que o Enílton fez um gol, e o Carlinhos Bala, quando acaba o jogo, ele dá uma entrevista dizendo que aquele gol podia ser o gol do título. E eu devo ter dito alguma coisa na linha assim, para o Corinthians, esse pode ser o gol da perda do título", conta o narrador.

"A torcida do Sport entendeu que aquilo era uma torcida pró-Corinthians, quando não tinha nada a ver, era um fato. Qualquer e evento que você fizer, principalmente um jogo de futebol, você vai pensar dos dois lados, então para o Corinthians aquele gol pode significar perder o título, e para o Sport, ganhar o título, como acabou de dizer o Carlinhos Bala. E não deu outra, o Sport foi lá e ganhou o jogo. Mas os caras já estavam tão inflamados, me disseram que até estimulados durante os dias entre um jogo e outro, dizer 'você viu que o cara falou?', que aí o gol do Sport já foi narrado no ouvido deles sem vibração, que 'O Sport é campeão da Copa do Brasil' não saiu como devia sair, isso acontece direto", completa Cléber.

O narrador cita também outras ocasiões que são lembradas por torcedores, mas no caso de seus times terem conquistado títulos importantes, como o gol de Romarinho contra o Boca Juniors na Bombonera, pela final da Libertadores de 2012.

"Quando o cara grita para mim 'aquele olha o Romarinho', é porque o Corinthians foi campeão da Libertadores, se o Corinthians tivesse perdido a Libertadores, o cara ia dizer que eu não prestei atenção no Romarinho. Quando o torcedor do Atlético-MG fala do gol do Leonardo Silva na final da Libertadores de 2013, é porque o Atlético-MG foi lá e fez o gol, se o Leonardo tivesse cabeceado para trás e feito um gol contra, você era o pé-frio que não ajudou o Atlético-MG a ser campeão, mas isso é meio natural", explica.

Os Canalhas: Quando e onde?

O programa Os Canalhas vai ao ar toda terça-feira, às 14h, em transmissão ao vivo, ou gravado, disponível na home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte no Youtube e no Facebook e Twitter, com os jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana entrevistando personalidades importantes do esporte brasileiro. Inscreva-se no canal Os Canalhas no Youtube para conferir mais de João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana.

Futebol