PUBLICIDADE
Topo

"Neymar carrega demasiada responsabilidade", afirma Daniel Alves

Daniel Alves e Neymar na comemoração do PSG pelo título do Francês - AP Photo/Christophe Ena
Daniel Alves e Neymar na comemoração do PSG pelo título do Francês Imagem: AP Photo/Christophe Ena

Colaboração para o UOL, em São Paulo

11/05/2020 14h30

Companheiro de Neymar na seleção brasileira, Daniel Alves acredita que o atacante do Paris Saint-Germain carrega 'demasiada responsabilidade'. Questionado durante o Jogo Aberto de hoje (11) a respeito da popularidade do craque com torcedor brasileiro, o capitão do São Paulo afirmou que, como qualquer ser humano, seu ex-companheiro de Barcelona e PSG 'erra e acerta'.

Sem julgar as ações do camisa 10 do PSG fora das quatro linhas, Dani Alves destacou que Neymar sempre 'dá resultado' dentro de campo. Além disso, o atleta do São Paulo criticou o excesso de julgamento em relação aos atos das pessoas, sejam elas famosas ou não.

"Para mim, o Ney carrega demasiada responsabilidade, e chega certo ponto da vida de você começar a se questionar. Eu acho que o que o Ney faz com a vida dele não é nenhum delito, porque ele sempre dá resultado. As pessoas acham que você não tem problema. Somos humanos, as pessoas não podem esquecer disso. O que a gente escolher para fazer na nossa vida, é nossa responsabilidade. Quando você se torna famoso, qualquer ação que você faça vai ser mal vista. As pessoas sempre vão pensar o pior", destacou Dani Alves.

"O que sempre falo para ele é para se concentrar no que está nas mãos dele. O Ney é uma das almas mais puras que já encontrei nessa trajetória, só que tem sua personalidade, e, como todo ser humano, erra e acerta", completou.

Além de defender Neymar, o jogador aproveitou sua participação no programa de Renata Fan para alfinetar Neto, apresentador da Band. Após ser apresentado pela jornalista, Dani Alves afirmou que o ex-jogador não gosta dele.

"Só vou te corrigir em uma coisa, o 'não tem quem não goste'. Tem sim. O Neto não gosta de mim, não", brincou o tricolor que, pouco depois, voltou ao tema:

"Falei até zoando do Neto... Uma das primeiras entrevistas que mostrou quem o Neto era foi comigo no Sevilla (ESP). O Neto, quando me vê, me dá uns abraços que eu fico até meio assustado. Depois, acredito que também faz parte do show. Não tenho rancor com ninguém não", finalizou o jogador.

UOL Esporte vê TV