PUBLICIDADE
Topo

Barça, Juventus e PSG: No aniversário de Daniel Alves, reveja golaços seus

Daniel Alves recebe o prêmio de melhor jogador da Copa América 2019 - Chris Brunskill/Getty Images
Daniel Alves recebe o prêmio de melhor jogador da Copa América 2019 Imagem: Chris Brunskill/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

06/05/2020 13h43

No dia 6 de maio de 1983, nasceu em Juazeiro um dos grandes laterais da história do futebol. Trata-se de Daniel Alves, que construiu sua história no futebol com as camisas de Bahia, Sevilla, Barcelona, Juventus, Paris Saint-Germain. São Paulo e seleção brasileira. No 37º aniversário do astro, o UOL Esporte reconta sua carreira e os golaços que a marcaram.

Eleito o melhor jogador da Copa América no ano passado, no título mais recente que conquistou, Daniel Alves já acumula mais de 30 conquistas em sua carreira com jogador. Relembre sua trajetória a seguir.

Bahia

Daniel Alves iniciou sua carreira profissional em 2001, no Bahia, e em sua primeira temporada já conquistou o Campeonato Baiano. Pelo clube, o lateral acumulou 58 partidas e seis gols.

Sevilla

Daniel Alves chegou ao clube espanhol inicialmente por empréstimo, mas agradou o convenceu o Sevilla a comprá-lo. Vestiu a camisa do time entre 2002 e 2008 e atuou em 232 partida, registrando 15 gols e 29 assistências.

Barcelona

Em julho de 2008, o brasileiro foi anunciado como reforço do gigante espanhol Barcelona. Pelo clube, conquistou três vezes a Liga dos Campeões, três vezes o Mundial de Clubes e seis vezes o Campeonato Espanhol, entre outros títulos.

Ao lado de Lionel Messi, Iniesta e Xavi, Daniel se tornou um dos melhores laterais em atividade. Pelo clube, foram 391 jogos, 15 partidas e 29 assistências, que ajudaram os catalães na conquista de 23 títulos.

Juventus

A passagem do brasileiro pela Juventus foi rápida. O jogador foi contratado em 2016, a princípio por dois anos, mas deixou a Itália após derrota para o Real Madrid na Liga dos Campeões. Foram 33 partidas, seis gols e sete assistências pelo clube.

Paris Saint-Germain

Em julho de 2017, Daniel assinou com o PSG por duas temporadas e se tornou colega de equipe de Neymar. Pelo clube, conquistou duas vezes o Campeonato Francês, uma vez a Taça da Liga da França, uma vez a Taça da França e duas vezes a Supertaça da França. Foram 73 jogos, oito gols e 18 assistências em Paris.

São Paulo

Após a Copa América, o lateral direito se despediu do clube francês e foi anunciado pelo São Paulo. Com 44 mil torcedores no Morumbi, ídolos do clube como Kaká e Luis Fabiano deram as boas vindas o craque. Pelo tricolor, são 22 partidas, três gols e três assistências. O camisa 10 do tem contrato com o clube até 2022.

Seleção brasileira

Com a seleção brasileira, o baiano conquistou as Copas Américas de 2007 e 2019, vestindo a braçadeira de capitão na última e levando o prêmio de melhor jogador para casa. Daniel participou das Copas do Mundo de 2010 e 2014. Com a amarelinha, tem 118 partidas e 8 gols.

São Paulo