PUBLICIDADE
Topo

Botafogo

Joia do Botafogo tem multa de R$ 179 milhões e causa interesse do exterior

Luis Henrique tem se destacado neste começo de ano com a camisa do Botafogo - Vitor Silva/Botafogo
Luis Henrique tem se destacado neste começo de ano com a camisa do Botafogo Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

02/05/2020 11h00

Apontado como joia do Botafogo, o atacante Luis Henrique, de 18 anos, é uma das esperanças para uma venda que possa trazer um alívio à situação financeira do clube. A multa rescisória do jovem é de R$ 179 milhões e, segundo a imprensa internacional, ele desperta o interesse de clubes no exterior.

O jogador, que desabrochou nesta temporada, ganhou a titularidade recentemente e vem aproveitando para conquistar espaço no elenco. Natural de Soleânea, no interior da Paraíba, ele é fruto de uma parceria do Alvinegro com o Três Passos Atlético Clube, do Rio Grande do Sul, que tem como característica formar jogadores nas divisões de base.

Atualmente, o Glorioso tem 40% dos direitos do jogador, enquanto o TAC tem os outros 60%. De acordo com Ricardo Rotenberg, vice-presidente Comercial e Marketing, o valor integral para tirá-lo do Botafogo é de 30 milhões de euros (cerca de R$ 179 milhões na cotação atual).

Recentemente, o nome de Luis Henrique apareceu especulado na Juventus, da Itália, pela imprensa local. De acordo com um jornalista da "La Gazzetta dello Sport", a ideia da Velha Senhora é comprar os direitos do atacante e, em um primeiro momento, emprestá-lo a outro clube.

Há alguns dias, Carlos Augusto Montenegro, membro do comitê de gestão do futebol do Alvinegro, ressaltou que a venda de jogadores da base tem ajudado financeiramente e citou Luis Henrique como "contrato importante".

"O Botafogo sempre valorizou muito sua base. A base, aliás, tem nos salvado nestes anos difíceis de penhoras. A venda de alguns jogadores, como Igor Rabello, Matheus Fernandes, outros jovens que saíram para Arábia no final do ano passado... Acabamos de renovar contratos importantes como Kanu, Marcelo (Benevenuto), Luís Henrique e Caio Alexandre - disse, em entrevista ao Canal do TF.

Publicação polêmica

No fim de março, Luiz Henrique se envolveu em uma polêmica ao publicar um vídeo com mulheres amarradas, em tom de piada sobre a necessidade de se ficar em casa durante a pandemia de coronavírus.

"E ainda falam que não tem como ficar em quarentena com a mulherada. Aí tem como. Só assim para deixar nós em casa. Então, faça sua parte e fique em casa", disse. Minutos depois da postagem, o jovem jogador recebeu uma chuva de críticas e apagou o conteúdo.

Posteriormente, através da assessoria de imprensa, Luis Henrique disse ter entendido o erro e que foi isso que motivou apagar o vídeo. Além disso, ele explicou que se influenciou por outras postagens na internet e que não tinha o objetivo de machucar ninguém.

Botafogo