PUBLICIDADE
Topo

Ederson, Jesus e Fernandinho acolhem Guardiola, que perdeu mãe por covid-19

Pep Guardiola cumprimenta Fernandinho com o goleiro Ederson ao fundo - Matt McNulty - Manchester City/Manchester City FC via Getty Images
Pep Guardiola cumprimenta Fernandinho com o goleiro Ederson ao fundo Imagem: Matt McNulty - Manchester City/Manchester City FC via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

06/04/2020 19h39

A morte de Dolors Sala Carrió, mãe de Pep Guardiola, abalou o emocional do grupo do Manchester City. A mulher de 82 anos foi vítima do novo coronavírus. Alguns dos badalados atletas do clube inglês, como os brasileiros Fernandinho e Gabriel Jesus, já acolheram o treinador.

"A minha família e eu enviamos nossas condolências a Pep e sua família pela perda de sua mãe, Dolors, no dia de hoje. Que Deus console seus corações", escreveu Fernandinho, em catalão, nos stories do Instagram.

"Eu sinto muito pela sua perda, Pep. Eu desejo força à sua família para seguir em frente. Que Deus possa te abençoar neste momento difícil, e que sua mãe, Dolors Sala Carrió, possa descansar em paz", publicou Jesus.

O goleiro Ederson foi outro a se manifestar: "Meus pensamentos estão com Pep e sua família. Desejo que todos tenham muita força neste momento. Nós estamos com vocês".

No Twitter, o belga Kevin De Bruyne postou uma foto em que abraça Guardiola. "Meus pensamentos estão com Pep e sua família neste momento. Somos um time", publicou.

Dentre os jogadores mais famosos do City, Sterling encerrou a sequência: "Todos os meus pensamentos e mais profundas condolências estão com Pep e sua família. A notícia é trágica e é um lembrete de que todos devemos ficar em casa e proteger uns aos outros".

Futebol