PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro usa redes sociais para entreter geração infantil na quarentena

Clube celeste tem alimentado suas redes sociais com conteúdos especiais voltados para o público infantil - Divulgação/Cruzeiro
Clube celeste tem alimentado suas redes sociais com conteúdos especiais voltados para o público infantil Imagem: Divulgação/Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

05/04/2020 04h00

O Cruzeiro tem utilizado seus canais e redes sociais com frequência para promover campanhas de combate ao coronavírus e conscientizar seus torcedores. Além de incentivar os hábitos de higiene e alertar para a necessidade do isolamento social, o clube também tem explorado conteúdos para ajudar a entreter seu público infantil dentro de casa.

No final do mês de março, o clube comemorou o aniversário do mascote Raposão, criado em 2003. Na impossibilidade de fazer alguma ação ao ar livre, o Cruzeiro publicou fotos do mascote com os torcedores e produziu um Papercraft (objetos tridimensionais feitos a partir de papel) para ser montado por pais e crianças dentro de casa. Outras medidas também foram realizadas, como a disponibilização de filmes para o público infantil, materiais ensinando brincadeiras, músicas da torcida e também imagens para as crianças colorirem.

Clube também "sumiu" das redes e ofereceu sedes

Duas ações do Cruzeiro também chamaram atenção recentemente. A primeira delas foi que o clube colocou suas sedes sociais à disposição dos órgãos públicos para atender à população, caso exista o interesse. Parte do patrimônio celeste, as sedes do Barro Preto e da Pampulha foram oferecidas.

O Cruzeiro também chegou a desativar suas redes sociais propositalmente por cerca de uma hora, gerando rumores e incertezas em seu torcedor. Na verdade, o clube queria chamar atenção para a propagação da pandemia, e voltou a alertar sobre as práticas necessárias que visam evitar a disseminação do covid-19.

"Viu como é dolorido ter que conviver com a ausência de quem você ama? Infelizmente, o número de mortes pelo novo coronavírus no Brasil está aumentando. Nós conseguimos voltar para deixar essa mensagem para vocês. Quando uma vida vai, não volta...", publicou.

Cruzeiro