PUBLICIDADE
Topo

André supera 4 meses parado no Grêmio e tem futuro incerto com paralisação

André, jogador do Grêmio, tem futudo indefinido com paralisação das competições - Gabriel Machado/AGIF
André, jogador do Grêmio, tem futudo indefinido com paralisação das competições Imagem: Gabriel Machado/AGIF

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

23/03/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Parado há mais de quatro meses, André tem futuro incerto.
  • Fora dos planos no Grêmio, ele não acertou transferência antes da paralisação das competições.
  • Agora, com incerteza sobre a retomada dos jogos, janela de transferências e movimentos de marcado, a situação segue indefinda.

Não é novidade que André não ficará no Grêmio. O futuro do jogador fora do clube da Arena está definido desde o início do ano. Porém, a paralisação nas competições em razão da pandemia de coronavírus (covid-19) gera incerteza dos mercados e sobre os períodos de transferência, tornando incerta qualquer negociação para desligamento do clube.

Vários cenários foram estudados pela direção do Grêmio entre o fim do ano passado e o início deste. A saída ideal era com uma venda, mas não houve propostas. Uma segunda alternativa, também sem sucesso, era empréstimo pelo pagamento integral do salário.

Para contratar André, os clubes interessados, entre eles Coritiba e Athletico Paranaense, queriam que mais de 50% do salário dele seguisse sendo paga pelo clube gaúcho. E esta possibilidade não agradou o comando tricolor.

Houve um início de conversa sobre rescisão, que também não andou, e o mercado do exterior por pouco não firmou a contratação dele nos últimos dias antes da paralisação nas competições. E mais uma vez a negativa para conclusão de acordo foi o desfecho.

Agora, com a paralisação das competições e a incerteza sobre as janelas de transferências, o jogador sequer tem perspectiva real de um novo destino.

Fora dos planos de Renato Gaúcho, André só foi relacionado para uma partida nesta temporada. Não entrou. Está distante dos gramados desde o dia 17 de novembro de 2019, quando esteve em campo por 25 minutos na derrota por 1 a 0 para o Flamengo, pelo Brasileiro. São 127 dias de inatividade, pouco mais de quatro meses.

Com 29 anos, André foi contratado pelo Tricolor em 2018. Foram quatro gols em 29 jogos na primeira temporada e sete gols em 45 jogos na segunda. O clube adquiriu seus direitos por valor aproximado a R$ 10 milhões.

Grêmio