PUBLICIDADE
Topo

Vice do Fla que testou positivo para coronavírus recebe alta hospitalar

Mauricio Gomes de Mattos, de camisa branca, posa ao lado de Rodolfo Landim - Arquivo Pessoal
Mauricio Gomes de Mattos, de camisa branca, posa ao lado de Rodolfo Landim Imagem: Arquivo Pessoal

Alexandre Araújo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

20/03/2020 15h52

Maurício Gomes de Mattos, vice-presidente do Flamengo que testou positivo para Covid-19, teve alta hospitalar hoje (20). O dirigente, que deixou o hospital durante a tarde, ficou uma semana internado em um hospital particular em Brasília e continuará o tratamento em casa. A informação foi publicada, primeiramente, pelo "Coluna do Fla" e confirmada pelo UOL Esporte.

"O que me prendeu no hospital foi a pneumonia. Como peguei pneumonia, me baqueou para caramba. Fiquei no antibiótico na veia. Eram sete dias, mas como não tive febre do dia do antibiótico para frente, me liberaram em cinco", disse, ao UOL Esporte.

Recentemente, Maurício esteve na Europa para um intercâmbio de informações. Ao lado do presidente Rodolfo Landim e do vice de Comunicação Gustavo Oliveira, visitou o Barcelona e o Real Madrid, ambos da Espanha.
Os membros da cúpula deixaram o Velho Continente diretamente para a Colômbia, onde o Flamengo encarou o Junior Barranquilla, na estreia na Libertadores.

Por conta desse contato, toda a delegação rubro-negra passou por exames para coronavírus, mas não houve nenhum caso positivo. O primeiro teste do técnico Jorge Jesus chegou a sinalizar "positivo fraco ou inconclusivo". Após o resultado da contraprova dar "inconclusivo", o treinador coletou material para novo exame, que deu negativo.

Flamengo