PUBLICIDADE
Topo

Fluminense não batia Botafogo, Flamengo e Vasco no mesmo Carioca há 27 anos

Evanilson e Nenê comemoram gol do Fluminense na vitória sobre o Vasco - Lucas Merçon/Fluminense FC
Evanilson e Nenê comemoram gol do Fluminense na vitória sobre o Vasco Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

18/03/2020 04h00

Classificação e Jogos

O ano de 2020 tem sido positivo para o Fluminense em clássicos. Já são três vitórias em quatro jogos, alcançando um feito que o clube não conseguia desde 2015: vencer seus três grandes rivais na mesma temporada. A equipe de Odair Hellmann conseguiu o feito já em março, ainda no Campeonato Carioca, o que não acontecia há 27 anos.

Após bater o Flamengo por 1 a 0 e golear o Botafogo por 3 a 0, a vitória sobre o Vasco, no último domingo (15), fez o Tricolor, enfim, repetir 1993, a última vez em que o clube das Laranjeiras venceu os outros três grandes em um mesmo Estadual.

Naquele ano, o Flu era comandado pelo ídolo e então jovem técnico Edinho, e fez boa campanha no Estadual. A equipe conquistou a Taça Guanabara sobre o Volta Redonda, o último título conquistado atuando no estádio das Laranjeiras. À época, o Tricolor bateu o Botafogo duas vezes (por 3 a 0 e 2 a 0), venceu o Flamengo por 2 a 1 e o Vasco pelo mesmo placar, no segundo jogo da final do Carioca.

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

O grande nome do time era o centroavante Ézio, que marcou 15 gols naquela competição, quatro a menos que Valdir Bigode, do Vasco, que acabaria campeão. O Fluminense terminou o torneio como vice com o empate por 0 a 0 no terceiro jogo da decisão, após uma vitória para cada lado. Por ter a melhor campanha geral, o Cruz-Maltino ficou com a taça.

Acervo Flu Memória
Imagem: Acervo Flu Memória

De lá para cá, o Tricolor venceu quatro vezes o Carioca, em 1995, 2002, 2005 e 2012, mas em nenhuma delas bateu todos os seus três rivais.

A última vez em que o Fluminense conquistou o título vencendo Flamengo, Vasco e Botafogo foi em 1984, quando a equipe, que já levara o Brasileirão naquele ano sobre o time de São Januário, bateu o Alvinegro por 3 a 1 antes de vencer o Cruz-Maltino, por 2 a 0, e o Rubro-Negro, duas vezes, por 2 a 1 e 1 a 0, na fase final.

Fluminense