PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Coudet faz testes e deixa o Inter cheio de mistério para o clássico Gre-Nal

Eduardo Coudet fez muitos testes na equipe, mas deve manter escalação convencional - Maxi Franzoi/AGIF
Eduardo Coudet fez muitos testes na equipe, mas deve manter escalação convencional Imagem: Maxi Franzoi/AGIF

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

11/03/2020 14h54

Durante os treinamentos do Inter desta semana, Eduardo Coudet empilhou testes. Todos sob portas fechadas, para que a escalação fosse mantida como está: totalmente misteriosa.

Para o clássico das 21h (de Brasília) de quinta-feira, pela segunda rodada do grupo E da Libertadores, o treinador argentino observou Patrick na posição de Boschilia, D'Alessandro no ataque ou mesmo o time sem ele, Saravia e Rodinei pela direita e Moisés e Uendel na esquerda. Estes quatro postos seguem vagos.

Ainda há uma chance remota de Edenilson voltar ao posto que atualmente é ocupado por Marcos Guilherme na equipe, com Rodrigo Lindoso aparecendo no centro, algo que também já foi trabalhado pelo comandante anteriormente.

Segundo apurou o UOL Esporte, independente de tudo que foi observado e debatido nos últimos tempos, a tendência aponta para o time convencional. O Inter deve ter Saravia na direita, Uendel na esquerda, Boschilia no meio e Galhardo no ataque, com D'Alessandro como alternativa.

Eduardo Coudet já disse, em entrevista coletiva, que não gosta de apresentar todas as armas do time no início do jogo. Guarda normalmente ao menos uma opção para tornar sua equipe mais ofensiva ou mudar a forma de jogar para o decorrer das partidas. D'Ale seria este "modificador de cenário".

Sendo assim, a expectativa é que comecem: Marcelo Lomba; Saravia, Fuchs, Cuesta e Uendel; Musto, Edenilson, Marcos Guilherme e Boschilia; Galhardo e Guerrero.

O trabalho do fim da tarde de hoje (11) deve ser o mais leve da semana. Pela proximidade do jogo, a ideia é não aumentar o desgaste dos atletas.

Internacional