PUBLICIDADE
Topo

Chegada de Benítez ao Vasco pode preencher lacuna em período 'pós-Nenê'

Martin Benítez tem conversas avançadas para ser o novo reforço do Vasco - Luciano Bisbal/Getty Images
Martin Benítez tem conversas avançadas para ser o novo reforço do Vasco Imagem: Luciano Bisbal/Getty Images

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

24/02/2020 04h00

A iminente chegada do meia-atacante Martin Benítez, do Independiente, da Argentina, pode ocupar uma lacuna que o elenco do Vasco apresenta há mais de uma temporada: um jogador que pode atuar como armador e com chegada à frente.

As últimas apostas do clube para o setor não renderam o esperado por diretoria e torcida. Após a saída de Nenê, que marcou época na Colina e foi anunciado pelo São Paulo em janeiro de 2018, o Cruz-Maltino colocou fichas em nomes experientes como Giovanni Augusto, Wagner, Marquinho, Valdívia e Bruno César. Porém, nenhum conseguiu engrenar em São Januário. Destes, apenas Bruno César permanece no elenco, mas não faz parte dos planos da comissão técnica e a cúpula busca uma solução para a situação.

Além disso, alguns jogadores que se destacaram na base, como Evander, Guilherme Costa e Lucas Santos também não conseguiram sequência. Guilherme Costa está no Boavista e Lucas retornou ao Cruz-Maltino após passagem pelo CSKA, da Rússia. Evander, que atualmente está no Midtjylland, da Dinamarca, conseguiu fazer gols importantes, mas acabou perdendo espaço e sendo alvo de críticas da torcida após participar de polêmica foto, durante a Libertadores de 2018.

Diante da ausência de um jogador como esse no grupo, no ano passado, o então técnico Vanderlei Luxemburgo, hoje no Palmeiras, passou a atuar em um esquema que tinha três volantes, que ficavam responsáveis pela articulação do meio, e o trio mais ofensivo formado, em algumas oportunidades, por Talles Magno, Rossi e Ribamar.

Benítez tem conversas avançadas com o Vasco para compor o elenco à disposição do técnico Abel Braga em 2020. O jogador, cria do Independiente, tem passagens pela seleção de base da Argentina e busca novos ares após perder espaço em Avellaneda.

Na última quinta-feira, o diretor-executivo André Mazzuco confirmou que as conversas estão avançadas e demonstrou otimismo para que o desfecho seja positivo para o Vasco.

Vasco