PUBLICIDADE
Topo

Por que a final do primeiro turno é tão importante para o Grêmio

O Grêmio de Diego Souza (foto) dá valor ao primeiro turno do Gauchão em razão de planejamento - Lucas Uebel/Grêmio
O Grêmio de Diego Souza (foto) dá valor ao primeiro turno do Gauchão em razão de planejamento Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

22/02/2020 04h00

Resumo da notícia

  • A final do primeiro turno do Gauchão é encarada como fundamental pelo Grêmio.
  • A razão para isso vai além do título,mas diz respeito ao planejamento da temporada.
  • Com o início da Libertadores já em março, a ideia é garantir tranquilidade com vaga antecipada na final absoluta.
  • Desta forma, Renato Gaúcho poderá utilizar reservas, fazer testes e dar ritmo a atletas que voltam de lesão.
Classificação e Jogos

O Grêmio encara o Caxias na final do primeiro turno do Gauchão, hoje (22), às 16h30 (de Brasília), no estádio Centenário, em Caxias do Sul. E vencer o primeiro turno é fundamental nas pretensões do clube de Porto Alegre.

A explicação não é somente a mais simples. Obviamente, conquistar um título é sempre importante, mesmo que signifique apenas a metade do Estadual na taça Coronel Ewaldo Poeta. Mas, para o Grêmio, erguer o troféu dará andamento ao projeto estabelecido no início do ano.

Com a Libertadores no calendário a partir do início de março, o segundo turno do Gauchão será corrido, com partidas nos fins de semana alternadas com compromissos pela competição continental. E ainda há perspectiva de estar no mesmo grupo do Inter, caso o Colorado passe pelo Tolima na fase preliminar, o que coloca mais dois clássicos no calendário.

Desta forma, está estabelecido que o returno será disputado, basicamente, pelos reservas. E para não correr qualquer risco, conquistar o primeiro e garantir vaga antecipada na final é fundamental.

"O título nos leva até a final e tem o planejamento. Quando começar a Libertadores, que é complicada, é importante já ter vencido este turno. O grupo está ciente que terá que correr muito porque o Caxias é uma grande equipe, fez a melhor campanha, levou o jogo para o seu estádio, mas sabemos que podemos neutralizar isso", disse o zagueiro David Braz.

O plano gremista também prevê dar rodagem a jogadores que não têm sido utilizados desde o início com frequência, mas têm condições de assumir posto relevante na equipe. São os casos de Thiago Neves e Caio Henrique. Ambos poderão, no segundo turno, ganhar confiança e ritmo de jogo para disputarem titularidade.

Kannemann, Geromel e Jean Pyerre, que se recuperam de lesões, também poderão ter no Gauchão um teste seguro, desde que a taça tenha sido conquistada neste sábado e tire a pressão resultante do risco de ficar fora da decisão absoluta.

FICHA TÉCNICA:
CAXIAS x GRÊMIO

Data e hora: 22/02/2020 (sábado), às 16h30 (Brasília)
Local: estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS)
Árbitro: Leandro Vuaden
Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi e Luiza Reis
VAR: Igor Junio Benevenuto (MG)

CAXIAS: Marcelo Pitol; Ivan, Laércio, Thiago Sales e Bruno Ré; Yuri e Carlos Alberto; Vinicius Baiano, Diogo Oliveira e Juninho Potiguar; Gilmar. Técnico: Rafael Lacerda

GRÊMIO: Vanderlei; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz e Cortez; Lucas Silva, Maicon, Matheus Henrique, Alisson e Everton; Diego Souza. Técnico: Renato Gaúcho

Grêmio