PUBLICIDADE
Topo

Autuori dedica classificação do Bota a Espinosa e Valentim: "não fiz nada"

Paulo Autuori dedicou classificação do Botafogo a diretor Espinosa e ao ex-técnico Alberto Valentim - Vitor Silva/Botafogo
Paulo Autuori dedicou classificação do Botafogo a diretor Espinosa e ao ex-técnico Alberto Valentim Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Do UOL, no Rio de Janeiro

20/02/2020 01h03

O Botafogo sofreu, mas se classificou para a terceira fase da Copa do Brasil ao eliminar o Náutico nos pênaltis. A partida marcou a estreia do treinador Paulo Autuori que tratou de repassar os méritos para o ex-técnico Alberto Valentim e do gerente técnico Valdir Espinosa, que teve que se licenciar por causa de uma cirurgia na região abdominal.

"Quero dedicar essa passagem [de fase] a duas pessoas. Primeiro ao nosso querido Valdir Espinosa. Campeão, é sua. Feliz em saber que está bem. Esperamos você. A outra é Alberto Valentim. Eu não fiz absolutamente nada, apenas aproveitei o que o Alberto fez de bom. Todo treinador, esteja a ganhar ou não, deixa coisas positivas", disse Autuori.

A declaração é importante já que Valentim vinha sendo bastante perseguido pela torcida do Botafogo, que pediu sua saída até mesmo durante a apresentação de Keisuke Honda.

O então treinador não suportou a derrota para o Fluminense por 3 a 0, no Maracanã, e foi demitido horas depois do fim do clássico. Autuori foi chamado e aceitou voltar a treinar um time brasileiro, o que não ocorria desde 2016.

Agora, o Botafogo espera o vencedor de Paraná e Bahia de Feira, que se enfrentam no Durival de Britto, no dia 26. O Alvinegro volta a campo somente no dia primeiro de março, quando receberá o Boavista, na primeira rodada da Taça Rio. A partida será provavelmente a estreia de Keisuke Honda.

Botafogo