PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Guardiola diz que ficará 100% no City: "Verdade vai prevalecer"

Pep Guardiola, técnico do Manchester City - Dylan Martinez/Reuters
Pep Guardiola, técnico do Manchester City Imagem: Dylan Martinez/Reuters

Do UOL, em São Paulo

19/02/2020 20h18

O técnico Pep Guardiola voltou a afirmar, na tarde de hoje, que pretende continuar no Manchester City mesmo a após o clube ter sido banido pela Uefa das próximas duas temporadas da Liga dos Campeões. A medida foi punição por burlar as regras de fair play financeiro da entidade.

"Ainda não acabou. O clube acredita que é injusta (a punição) e ainda vamos recorrer", disse Guardiola em entrevista ao canal Sky Sports.

O treinador também declarou que pretende ajudar o clube a manter o futebol de alto nível mesmo diante das adversidades, algo que visa mais do que "o contrato que tem".

"Se não me tirarem ficarei 100% aqui, mais do que nunca. Primeiro porque quero ficar. É algo especial, muito maior que o contrato que tenho. Já disse antes e repito que quero ficar e ajudar o clube a manter o alto nível o máximo possível de tempo", disse.

Guardiola adiantou que pretende manter o otimismo em campo e adiantou que trabalhará normalmente com os jogadores.

"Estaremos lutando como sempre, a cada jogo, e estaremos juntos até o fim da temporada. Estamos otimistas que, no fim, a verdade vai prevalecer e na próxima temporada estaremos na Liga dos Campeões", comentou.

Ouça o podcast Posse de Bola, a mesa redonda do UOL sobre futebol, com Arnaldo Ribeiro, Eduardo Tironi, Juca Kfouri e Mauro Cezar Pereira.
Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.

Futebol