PUBLICIDADE
Topo

Jogador do Porto abandona partida após ser alvo de insultos racistas

Moussa Marega abandona jogo depois de ser alvo de insultos racistas - Miguel Riopa/AFP
Moussa Marega abandona jogo depois de ser alvo de insultos racistas Imagem: Miguel Riopa/AFP

Do UOL, em São Paulo

16/02/2020 16h56

O atacante Moussa Marega, do Porto, abandonou a partida contra Vitória de Guimarães, válida pelo Campeonato Português, após ser alvo de insultos racistas pela torcida rival.

O cronômetro marcava 23 minutos do segundo tempo quando Marega acusou os torcedores de insultos e ameaçou deixar o gramado.

Jogadores do Porto ainda tentaram demover o jogador, mas ele abandonou a partida, sendo substituído por Wilson Manafa. Ele deixou o campo mostrando o dedo do meio para os torcedores rivais.

Nas redes sociais, Marega chamou quem o ofendeu com insultos racistas de idiotas. Ele também ironizou os árbitros "por não me defenderem e por terem me dado um cartão amarelo porque defendo minha cor da pele". "Espero nunca mais encontrá-lo [juiz principal] em um campo de futebol!".

A partida teve continuidade, com vitória do Porto por 2 a 1.

Marega fez o segundo e decisivo gol da equipe visitante. Neste momento, ele foi comemorar à beira do campo e foi possível ver objetos voando em sua direção.

Ele chegou a pegar um banco plástico e ironizar a situação.

Ato racista na Alemanha

Este não foi o único ato racista registrado na Europa nos últimos dias. Na sexta, o jogador, Leroy Kwadwo, do Wurzburger Kickers, foi insultado por um torcedor do Preussen Munster em um jogo válido pela terceira divisão alemã. Porém, ao perceberem o insulto, grande parte dos torcedores passou a gritar "fora nazistas" e o responsável pela ofensa, assim que identificado, foi retirado do estádio.

Esporte