PUBLICIDADE
Topo

Elogiado, Gabriel Menino relembra origem e "não vê novidade" em ser lateral

Gabriel Menino ajudou o Palmeiras com uma assistência na partida de hoje - Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
Gabriel Menino ajudou o Palmeiras com uma assistência na partida de hoje Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo (SP)

16/02/2020 18h31

Classificação e Jogos

Gabriel Menino tem sido utilizado como meio-campista por Vanderlei Luxemburgo desde que subiu ao time profissional do Palmeiras. Mas a lesão de Marcos Rocha fez o jovem de 19 anos treinar nesta semana na lateral, assim como fazia nas categorias de base do Guarani-SP antes de chegar ao Alviverde.

"As coisas aconteceram muito rápido, quando eu subi não esperava ser titular. Mas no banco ou não, vou sempre dar meu melhor. Já tinha jogado na base de lateral, joguei até na base de lateral. Para mim, não é novidade", afirmou Menino na saída de campo, ao canal Premiere.

Na vitória por 3 a 1 do Palmeiras sobre o Mirassol, na tarde de hoje (16), pelo Campeonato Paulista, Mayke sentiu lesão no calcanhar e teve que ser substituído no intervalo. Sem nenhum outro lateral direito no banco de reservas, Luxemburgo recorreu a Menino. O jovem fez boa partida e ainda deu assistência: foi ele quem cobrou o escanteio que originou o gol de Gustavo Gómez, o do empate.

Depois do jogo, Luxemburgo também fez questão de elogiar o jogador. "Quem vai ao CT sempre sabe que já testei o Gabriel Menino na lateral. A gente fala sempre da versatilidade do atleta, então o Gabriel Menino já treinou algumas vezes ali", disse o treinador em entrevista coletiva.

Menino já foi usado em quatro jogos neste ano. Agora, com as lesões de Mayke e Marcos Rocha, pode cavar seu espaço na lateral direita do Palmeiras. O próximo compromisso do time é às 21h30 (de Brasília) de quinta-feira (20), contra o Guarani-SP, no Allianz Parque.

Palmeiras