PUBLICIDADE
Topo

Volante sonha em repetir história de Lucas Silva e desencantar no Cruzeiro

Aos 18 anos, garoto sonha em escrever história de sucesso e ajudar Cruzeiro em reconstrução financeira - Divulgação/Cruzeiro
Aos 18 anos, garoto sonha em escrever história de sucesso e ajudar Cruzeiro em reconstrução financeira Imagem: Divulgação/Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

15/02/2020 04h00

Na classificação do Cruzeiro contra o São Raimundo-RR, pela Copa do Brasil, o técnico Adilson Batista destacou positivamente a atuação de Pedro Bicalho. Mesmo com poucos minutos em campo, o jogador chamou atenção mais uma vez e deverá receber mais oportunidades na temporada. Aos 18 anos, o garoto é mais uma cria da Toca da Raposa e espera escrever a mesma história que Lucas Silva, hoje no Grêmio, construiu enquanto passou por Belo Horizonte.

Pedro é natural de São José dos Campos (SP) e chegou ao Cruzeiro em 2014, aos 13 anos. Naquela época, ainda foi possível acompanhar o também volante Lucas Silva encerrar com chave de ouro sua primeira passagem pelo Cruzeiro. Antes de ser vendido ao Real Madrid, o prata da casa foi bicampeão brasileiro aos 21 anos. Em 2017, Lucas Silva ainda retornou para levantar dois títulos da Copa do Brasil. No total, o volante, hoje com 26 anos, ainda ergueu três taças do estadual com a Raposa.

"Eu tenho [como referência] o Lucas Silva, que passou por aqui. É um cara como eu, que veio da base e deixou uma boa impressão no profissional do Cruzeiro, além de ter dado retorno financeiro ao clube", disse Pedro Bicalho.

No atual elenco celeste, Pedro tem alguns colegas dos tempos de juniores como concorrentes, além de alguns reforços recém-chegados. Adilson Batista começou o ano com Adriano e Jadsom. Recentemente, Filipe Machado ganhou espaço e até o zagueiro Edu foi utilizado no meio. Com apenas dois compromissos feitos (ambos entrando no decorrer das partidas) a tendência é que agora as chances comecem a pintar também para Pedro Bicalho.

"Gostei da entrada do Pedro. Achei um menino que vai ter um futuro brilhante, sabe tocar a bola, sabe sair bem e vai ganhar espaço. Comigo ele vai ganhar espaço", comentou Adilson.

Cruzeiro