PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras: Zaneratto se afastou do coronavírus para viver "momento mágico"

Bia Zaneratto foi apresentada como nova jogadora do Palmeiras - Fábio Menotti/Ag. Palmeiras
Bia Zaneratto foi apresentada como nova jogadora do Palmeiras Imagem: Fábio Menotti/Ag. Palmeiras

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

13/02/2020 16h56

Bia Zaneratto vestiu pela primeira vez a camisa do Palmeiras na tarde de hoje (13). Apresentada oficialmente como jogadora do clube na Academia de Futebol, a atacante da seleção brasileira comemorou o acordo para "momento mágico" do futebol feminino no time alviverde, embora em circunstâncias atípicas, como a própria descreveu.

Com os direitos econômicos ligados ao Wuhan Xinjiyuan, Zaneratto acertou contrato de empréstimo até o meio do ano. O curto compromisso deve-se à epidemia do coronavírus, que tem como epicentro justamente a cidade do clube de Bia na China. A doença permitiu o retorno da atacante para o futebol brasileiro.

"Estava certa de ir para a China e ficou aquela situação complicada de saber ou não saber o que seria de mim. Agora é um prazer estar hoje diante de tantas pessoas dando o valor que o futebol feminino merece, é uma honra vestir a camisa do Palmeiras", discursou Bia.

Estrela do elenco palmeirense, que soma uma vitória e uma derrota no Brasileirão A-1, Bia Zaneratto agora convive com uma nova realidade. Transmissão em TV aberta, clubes grandes envolvidos e mídia cada vez maior aumentaram a atenção para o futebol feminino.

"É um momento mágico, nunca foi tão valorizado. Todos os jogos sendo transmitidos pela CBF e alguns na Band, é isso que o futebol feminino merece. A gente sabe da qualidade das meninas. Até conversei com a Rosana, que ia parar e voltou. Ela disse: 'pô, roí o osso para caramba, e agora não vou viver isso?'", comentou Bia.

"Esse é o momento bonito. Estamos colhendo os frutos por chegar neste momento. Todo mundo abraçando a causa faz com que a modalidade cresça. Por mais que seja uma regra imposta pela Conmebol, os clubes abraçaram isso e o Brasil abriu as portas como nunca havia acontecido. Isso é de suma importância e esperamos melhorar a qualidade cada vez mais", completou.

A estreia de Bia Zaneratto depende da regularização do contrato da atleta na Confederação Brasileira de Futebol. O próximo compromisso do Palmeiras está marcado para domingo, às 15h (de Brasília), em Vinhedo, casa do futebol feminino do clube.

Palmeiras