PUBLICIDADE
Topo

Chapecoense está entre finalistas do Laureus, o Oscar do Esporte

Jackson Follmann recebe, em nome da Chapecoense, o prêmio de Melhor Momento Esportivo de 2018 do Laureus World Sports Awards, o Oscar do esporte, pela reconstrução do clube após o acidente de novembro de 2016 - Alexander Koerner/Getty Images for Laureus
Jackson Follmann recebe, em nome da Chapecoense, o prêmio de Melhor Momento Esportivo de 2018 do Laureus World Sports Awards, o Oscar do esporte, pela reconstrução do clube após o acidente de novembro de 2016 Imagem: Alexander Koerner/Getty Images for Laureus

Do UOL, em São Paulo

13/02/2020 17h23

Três anos após recomeçar praticamente do zero no futebol e perder quase a totalidade do seu elenco em um trágico acidente aéreo na Colômbia, a Chapecoense está de novo em destaque no cenário internacional. O clube brasileiro é um dos cinco finalistas do Prêmio Laureus, conhecido como o Oscar do esporte mundial. A cerimônia de premiação acontece na segunda-feira (18), em Berlim (Alemanha).

A Chapecoense está indicada na única categoria que tem votação aberta ao público geral, o Prêmio "Laureus Sporting Moment 2000 - 2020" — você pode votar aqui. No ano em que chega à sua 20ª edição, o Laureus relembrou os 20 "momentos do esporte" de cada um dos últimos 20 anos para escolher o mais marcante dessas últimas duas décadas.

O clube catarinense foi o vencedor em 2018, referente à sua temporada 2017, quando contou com a união entre seu novo elenco, os três jogadores sobreviventes, e toda a cidade de Chapecó para se reconstruir da tragédia.

Neste ano, a Chapecoense já superou a primeira fase da votação, quando foram escolhidos os cinco momentos finalistas. O time concorre com Natalie du Toit, nadadora paraolímpica da África do Sul, Sachin Tendulkar, que levou a Índia ao título da Copa do Mundo de críquete em 2011, Mick Schumacher, alemão que leva adiante o legado do pai, e Xia Boyu, chinês que, aos 69 anos, concluiu a escalada do Everest mesmo não tendo as duas mãos.

Futebol