PUBLICIDADE
Topo

Perto de bater meta para 2020, Santos discute cota de patrocínio máster

Kittipong Prapattong (esq.), diretor de turismo da Tailândia na América Latina, José Carlos Peres (centro), presidente do Santos, e Nitivadee Manitkul, embaixadora da Tailândia - UOL
Kittipong Prapattong (esq.), diretor de turismo da Tailândia na América Latina, José Carlos Peres (centro), presidente do Santos, e Nitivadee Manitkul, embaixadora da Tailândia Imagem: UOL

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

12/02/2020 04h00

O Santos segue sem patrocinador para o espaço máster do uniforme, mas isso não quer dizer que o clube esteja muito abaixo da meta orçada para o ano de 2020. Os atuais parceiros do Peixe somam um valor já muito próximo do objetivado no planejamento anual, o que quer dizer que um patrocinador máster faria o clube ultrapassar o valor previamente estipulado.

Assim, há uma discussão interna sobre uma diminuição do montante mínimo aceitável pelo espaço. Hoje, o presidente José Carlos Peres não ouve propostas inferiores a R$ 12 milhões, valor considerado acima do mercado atual por parte da cúpula que tenta uma redução.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.

Santos