PUBLICIDADE
Topo

Gre-Nal: Renato se nega a falar do Inter e Maicon vê "jogo de detalhes"

Renato Gaúcho não quis opinar sobre a mudança de comportamento do Internacional - Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Renato Gaúcho não quis opinar sobre a mudança de comportamento do Internacional Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Do UOL, em Porto Alegre

10/02/2020 12h00

Classificação e Jogos

"Não tenho que falar do Internacional", assim Renato Gaúcho encerrou sua entrevista coletiva após a derrota por 2 a 1 para o Aimoré, que confirmou o clássico Gre-Nal como semifinal do primeiro turno do Gauchão. O treinador, descontente com o rendimento do Grêmio, destinou energia apenas ao trabalho para recuperar o futebol de sua equipe.

"É o Coudet que é pago para [falar do Inter]. Eu sou pago para treinar o Grêmio", resumiu Portaluppi quando perguntado sobre a mudança do tradicional rival em relação ao ano passado.

O Grêmio, segundo no Grupo B do primeiro turno do Gauchão, terá pela frente um Gre-Nal eliminatório na casa do adversário. O jogo deve ser confirmado para o próximo sábado. "Meus jogadores são experientes, malandros, inteligentes para jogar este tipo de jogo", explicou o treinador.

Maicon, o capitão do time, também quis elaborar muito sobre as novas características do rival. Maicon se limitou a lembrar que jogos desta importância são definidos em detalhes. "Agora é o Gre-Nal, e clássico é assim. Sabemos da importância que tem a partida, já joguei muitos, e vamos lá para tentar a vitória. Jogos deste tipo são definidos em detalhes, temos que estar atentos a tudo", resumiu.

Com jogo apenas no final de semana, seria natural que o elenco gremista tivesse um dia de folga nesta semana. Mas, pelo contrário. Após a derrota para o Aimoré o Tricolor informou que já se reapresenta nesta segunda e inicia preparação para a eliminatória.

Grêmio