PUBLICIDADE
Topo

Inter tem posição aberta no meio-campo para Libertadores; veja as opções

D"Alessandro mais recuado? Inter tem uma posição vaga no meio-campo para Libertadores - Ricardo Duarte/Inter
D'Alessandro mais recuado? Inter tem uma posição vaga no meio-campo para Libertadores Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

08/02/2020 04h00

Classificação e Jogos

Enquanto os reservas entram em campo hoje (8) para encarar o Novo Hamburgo, o treinador argentino Eduardo Coudet tem uma posição em dúvida entre os titulares do Inter. O posto ocupado por Rodrigo Lindoso já passou por testes e é o menos definido do quarteto de meio-campo utilizado pelo treinador argentino.

Às 17h (de Brasília), no Beira-Rio, quem estará por ali será Nonato. O jogador é uma das alternativas para dar mais fluência ao meio e auxiliar o ataque. Porém, há outras alternativas, que a reportagem do UOL Esporte separou para sua avaliação.

Principalmente de olho no jogo da próxima terça-feira (11), contra a Universidad de Chile, no Beira-Rio. Depois de empatar em 0 a 0 no duelo de ida, o Colorado precisa vencer para seguir na competição continental. Empate sem gols levará a decisão para os pênaltis e com gols deixa a vaga com os chilenos.

Nonato

Ricardo Duarte/Inter
Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Primeira opção para o posto, Nonato atuou duas vezes até agora na temporada. Na estreia do ano, contra o Juventude, e diante do Ypiranga. Em nenhum dos jogos, porém, conseguiu o melhor rendimento. Sua entrada poderia dar mais fluência à criação de jogadas, mas até agora a tomada de decisão mais lenta do que o comando técnico espera reduziu as possibilidades.

Johnny

Ricardo Duarte/Inter
Imagem: Ricardo Duarte/Inter

O norte-americano de 18 anos foi titular na primeira partida do time principal do Inter. Conseguiu dar boas alternativas para saída de jogo e foi importante na primeira função do meio-campo central: marcar. No entanto, contribuiu pouco ofensivamente e ainda naquela partida, contra o Pelotas, acabou sendo sacado para que Lindoso fosse adiantado.

Rodrigo Lindoso

Ricardo Duarte / Internacional
Imagem: Ricardo Duarte / Internacional

Atualmente, Lindoso é titular. A capacidade de trabalhar a jogada com Musto e os zagueiros para saída qualificada e o poder de auxiliar na marcação por dentro garantem ao ex-botafoguense o posto na equipe. No entanto, como precisará deixar a equipe mais ofensiva, Eduardo Coudet pode optar por jogadores de outras características, já que necessita de gols para avançar na Libertadores.

Gabriel Boschilia

Ricardo Duarte/Inter
Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Até agora, Boschilia não foi utilizado centralizado. No entanto, a boa conclusão de longe e a possibilidade de aumentar a criatividade do meio-campo o colocam como alternativa. Já melhor ambientado ao time, o jogador poderá receber nova oportunidade.

D'Alessandro

Ricardo Duarte/Inter
Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Quando ficou com um jogador a mais e resolveu jogar o time ao ataque, Eduardo Coudet optou por D'Alessandro na posição centralizada do meio. Como o rival tinha um armador a menos - Montillo levou vermelho - não era necessário combater tanto e a função acabava puramente criativa. Com ele por ali a fluência de jogo aumentou e o Colorado criou algumas oportunidades.

Thiago Galhardo

Ricardo Duarte/SC Internacional
Imagem: Ricardo Duarte/SC Internacional

A chance de Galhardo atuar nesta função é remota. Até agora, ainda que tivesse oportunidade, Coudet só utilizou o atleta como atacante, e é nesta função que ele inicia contra o Novo Hamburgo. Se optar por alteração para a Libertadores, seria a primeira oportunidade por ali.

Internacional