PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Grêmio cogita até rescisão com André, fora dos planos e sem propostas

NORBERTO DUARTE / AFP
Imagem: NORBERTO DUARTE / AFP

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

07/02/2020 04h00

Resumo da notícia

  • André não está nos planos de Renato Gaúcho para 2020, mas segue no elenco do Grêmio
  • Clube gaúcho chegou a liberar estafe do atacante para buscar negócios, mas não recebeu ofertas
  • Diante da falta de propostas e do cenário atual, diretoria passa a trabalhar acordo para rescisão de contrato

O Grêmio entende que tem grupo pronto para o primeiro semestre do ano, mas segue com um assunto pendente no elenco. O futuro de André, fora dos planos em 2020, é tema ainda em aberto e que faz a diretoria pensar até em rescisão contratual.

Em Porto Alegre desde março de 2018, André tem 11 gols em 74 jogos disputados.

Aos 29 anos, o ex-atacante de Santos, Atlético-MG, Vasco, Sport e Corinthians tem contrato com o Grêmio até o final do ano que vem. Desde dezembro, o estafe do jogador procura negócio e a direção gremista também.

O UOL Esporte mostrou que a saída frustrada no início do ano passado, quando houve proposta de um time chinês, pesa na balança.

À época, foi o Grêmio que recusou o negócio e agora a posição é aguardar transferência que interesse ao jogador - mesmo que para o clube gaúcho já tenham havido consultas consideradas promissoras.

Na semana passada, o Tigres-MEX surgiu como clube interessado. A janela de transferências no mercado mexicano fechou em 31 de janeiro sem negócio.

De lá para cá, o Grêmio acalenta a ideia de rescindir o contrato de André, se houver acordo com os empresários do jogador.

"O André é uma situação embrionária. Há entendimento do procurador dele de busca por novos ares e nós queremos auxiliar, queremos ser proativos. É uma conversa que está em tratativas embrionárias, mas poderia ter curso. Por ser interesse de ambas as partes", disse Paulo Luz, vice-presidente de futebol do Grêmio.

André ainda não fez nenhum jogo em 2020 e na partida mais recente do Grêmio, ficou fora até do banco de reservas.

Futebol