PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Maradona se revolta com nomeação de Macri para cargo na Fifa: 'Impostor'

Maradona exibiu réplica em miniatura da taça da Copa do Mundo na Casa Rosada, em Buenos Aires - RONALDO SCHEMIDT / AFP
Maradona exibiu réplica em miniatura da taça da Copa do Mundo na Casa Rosada, em Buenos Aires Imagem: RONALDO SCHEMIDT / AFP

Do UOL, em São Paulo

29/01/2020 11h18

O ídolo argentino Diego Maradona criticou a nomeação do ex-presidente do Boca Juniors e da Argentina, Mauricio Macri, para o cargo de presidente-executivo da Fundação Fifa.

Em uma publicação em seu Instagram oficial, Maradona chamou Macri de "impostor" e pediu à Fifa que reavalie a decisão.

"É incrível que Macri, depois de enganar os argentinos por quatro anos, agora engane a Fifa. Aqui, só deixou fome e miséria. Depois do que nos custou escapar do FMI [Fundo Monetário Internacional], ele voltou a nos endividar para sempre. Eu peço à Fifa que, por favor, reveja esta decisão e tirem do cargo este impostor", escreveu Maradona.

O ex-jogador, atualmente treinador do Gimnasia em seu país, tem um posicionamento político crítico a Macri. Ele já visitou o atual presidente argentino, Alberto Fernandéz, na Casa Rosada e esteve com Nicolás Maduro, presidente da Venezuela, em Caracas este mês.

Futebol