PUBLICIDADE
Topo

Multa de R$ 200 mi e amigo de Vini Jr.: Bill tenta renascer no Fla após gol

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

26/01/2020 04h00

Classificação e Jogos

O sol voltou a brilhar para Bill. De promessa com multa estipulada em R$ 200 milhões a "descartado" emprestado à Ponte Preta, o jovem atacante saiu do banco de reservas ontem (24) no Maracanã para fazer o gol da vitória do Flamengo por 3 a 2 sobre o Volta Redonda pela Taça Guanabara — por sinal, um golaço.

Antigo companheiro de ataque de Vinícius Júnior, hoje no Real Madrid, nos tempos de divisões de base, o jogador de 20 anos ainda busca uma afirmação no Rubro-negro. Ano passado, chamou os holofotes ao dar um passe para o gol de Arrascaeta na final da Taça Rio contra o Vasco. Depois, não teve sequência e acabou jogando somente uma partida no Campeonato Brasileiro, contra a Chapecoense.

Sem espaço no clube repleto de estrelas em 2019, Bill foi emprestado à Ponte Preta para a disputa da Série B. Era uma tentativa da diretoria para que ele ganhasse rodagem nos profissionais. Por lá, disputou dez partidas e fez um gol. De volta ao Flamengo, conta com a confiança do técnico do sub-20, Maurício Souza, que tem sido interino da equipe principal enquanto Jorge Jesus não assume.

"Conheço bem o Bill. Tivemos a oportunidade de trabalhar na base por um bom tempo. Sei que posso contar com ele a qualquer momento. Está adquirindo a melhor forma e temos que ter oportunidade de colocá-lo em campo. Se for analisar as substituições, muitas vezes não tem oportunidade de colocá-lo. Mas sabia que se ele fosse solicitado, daria o seu melhor, como fez", disse o treinador.

Para Bill, não importa quanto tempo terá em campo, o importante é estar preparado se for solicitado.

"Eu sempre digo que a gente tem que estar preparado para nossa oportunidade. Seja ela com dez, cinco ou dois minutos. Sempre tem que estar preparado, entrar e fazer nosso melhor. Sem medo, com muita responsabilidade, mas a gente tem que estar preparado para tudo. Seja para ganhar um jogo, para virar um jogo, e até para perder a gente tem que estar preparado. É dessa forma que penso para jogar no Flamengo", afirmou o jogador em entrevista à Fla TV.

Flamengo