PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Maurício Souza elogia Lucas Silva e afirma que Jesus é 'inspiração'

Técnico Maurício Souza à beira do gramado no clássico entre Vasco e Flamengo - Marcelo Cortes / Flamengo
Técnico Maurício Souza à beira do gramado no clássico entre Vasco e Flamengo Imagem: Marcelo Cortes / Flamengo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

23/01/2020 00h28

Vaiado contra o Macaé, na estreia do Flamengo no Campeonato Carioca, Lucas Silva se tornou herói do clássico com o Vasco, na noite de ontem (22). O técnico Maurício Souza, após a partida, fez elogios ao jovem atacante, afirmando que ele tem a confiança de todo o elenco.

Com férias prolongadas ao grupo principal, por conta da disputa do Mundial de Clubes, o Rubro-Negro, neste começo de Estadual, está usando alguns jogadores que não tiveram oportunidade na última temporada e integrantes do Sub-20.

"Não só ele (Lucas Silva). Ainda estamos passando por um processo de oscilação e temos muitos ajustes a fazer. Lucas é um jogador veloz, que precisa desenvolver a técnica dele em velocidade. Ele tem toda a nossa confiança. Nada como um dia após o outro", disse.

Maurício Souza aproveitou para comentar como foram as conversas, nos últimos dias, com o técnico Jorge Jesus, que desembarcou no Rio de Janeiro na última segunda-feira e prometeu acompanhar o trabalho de perto.

"É uma inspiração para todos nós. Acho que a base tem de trabalhar desta maneira. Nas conversas que tive com ele, me deixou à vontade, deu apoio. A intenção é colocar os atletas o mais próximo possível do que ele pensa", apontou o comandante, que ainda falou sobre o posicionamento do time no clássico:

"É uma tendência da nossa equipe. É a maneira como queremos jogar, para evitar a circulação de posse do adversário. Contra o Macaé, não jogamos tão alto porque o Macaé não ofereceu esse tipo de jogo. O Vasco colocou Tiago Reis e Ribamar por dentro".

Sobre a continuidade na carreira, Maurício garantiu que, no momento, está pensando em cumprir o papel no Campeonato Carioca e, posteriormente, voltar à categoria de base.

"Sou treinador do sub-20. Acabando nossa participação, volto ao sub-20, onde estou muito feliz. Não tenho pressa para que nada aconteça", garantiu.

Flamengo