PUBLICIDADE
Topo

Egídio chega ao Fluminense e fala sobre vontade de Fred em voltar

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

21/01/2020 17h26

O Fluminense apresentou, hoje (21), o lateral-esquerdo Egídio, que defendeu o Cruzeiro na última temporada, e o meia Yago Felipe, que esteve no Goiás ano passado. Os dois assinaram vínculo de dois anos com o Tricolor.

Egídio, que esteve no elenco do Cruzeiro que foi rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro, afirmou que quer demonstrar as qualidades que tem em campo e garantiu que chega às Laranjeiras 'renovado'.

"Melhor prova que tem é dentro de campo. Começamos o ano muito bem no Cruzeiro e o final foi trágico. Foram quatro anos, seis títulos e, infelizmente, um rebaixamento. É ruim para o atleta ter um rebaixamento, mas são os títulos que ficam na história. Venho renovado. Ambiente novo, clube grande, estrutura excelente, grupo qualificado. Estou muito feliz para dar o meu melhor por essa camisa", disse.

Ex-companheiro de Fred, com quem atuou no clube mineiro, o lateral-esquerdo afirmou que mantém contato com o centroavante e apontou que ele tem vontade de retornar ao Tricolor.

"O Don [apelido de Fred] tem história aqui. Deixou legado muito bom, com títulos. Eu tenho falado com ele todos os dias. E o que tenho passado são só coisas boas que tem no ambiente, no clube. Ele conhece muito os funcionários aqui. Os funcionários adoram ele, ele adora os funcionários. Ele ama esse clube e tem muita vontade de voltar. Falou que precisa resolver detalhes com o Cruzeiro. O presidente mostrou que tem interesse na volta dele. Esperamos que dê tudo certo, que ele volte e que seja aquele Fred que foi no Fluminense. Ficarei na torcida para que ele volte e ajude da melhor forma possível".

Já Yago, ressaltou que, desde o começo das negociações, quis fechar com o Fluminense e não escondeu a alegria pelo fato de as transações terem chegado a um final feliz.

"Meu sorriso mostra minha alegria. Desde que surgiu o interesse, demonstrei que queria vir pra cá. É uma grande equipe, camisa vitoriosa. Alegria de estar trabalhando com grandes jogadores, em uma equipe que vai buscar títulos. Espero poder ser feliz em campo também", salientou.

O meia comentou ainda o fato de trabalhar com o técnico Odair Hellmann.

"Muito competitivo, cobra bastante intensidade. Tenho certeza que vai agregar muito com o elenco que tem em mãos. Se correspondermos à altura ao que ele está cobrando, vamos colher os frutos".

Digão, Egídio e Yago não poderão enfrentar a Portuguesa, quinta-feira, pela segunda rodada da Taça Guanabara, primeiro turno do Carioca, por conta do prazo de inscrição.

"Fui pego de surpresa hoje com a notícia que não ia jogar. Estava me preparando para isso, mas tudo bem. Acho muito legal o elenco ter essa mescla. Dá para ver que os jovens têm muita gana de vencer, assim como nós. É muito bom ter essa mescla dos mais experientes e dos mais jovens".

Fluminense