PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Dínamo de Kiev vai à Fifa contra SPFC por dívida na negociação de Tchê Tchê

Volante Tchê Tchê participa de treinamento do São Paulo no CT da Barra Funda - Marcello Zambrana/AGIF
Volante Tchê Tchê participa de treinamento do São Paulo no CT da Barra Funda Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Danilo Lavieri

Do UOL, em Armênia (Colômbia)

21/01/2020 12h48

O Dínamo de Kiev, da Ucrânia, entrou com uma ação na Fifa contra o São Paulo por conta de atraso de pagamento na aquisição de Tchê Tchê. Segundo apuração do UOL Esporte, o protesto oficial foi feito há uma semana. O clube paulista não quis se pronunciar sobre o assunto.

O time do Morumbi contratou o meio-campista em março do ano passado por 5 milhões de euros, o que significava R$ 22 milhões na época da contratação. A compra foi feita em parcelas e o Tricolor não arcou com parte do valor.

O Dínamo de Kiev cobra a equipe brasileira desde novembro e, sem resposta, resolveu entrar com a ação na entidade máxima de futebol cobrando uma solução.

A Fifa agora analisará os documentos enviados e emitirá uma decisão. Se o caso se arrastar, o São Paulo pode sofrer sanções e ainda terá que pagar multas e juros. Há, inclusive, a possibilidade de o time paulista ficar proibido de contratar, por exemplo.

Em setembro de 2019, os são-paulinos usaram de expediente parecido para cobrar o River Plate por uma dívida na negociação de Lucas Pratto.

O São Paulo fechou o ano com déficit de R$ 180 milhões, direitos de imagens atrasado e ainda não contratou ninguém em 2020. A prioridade da diretoria é emprestar e vender jogadores para aliviar a folha salarial.

Neto sobre dívida do São Paulo: Tchê Tchê não joga nada

Band Esportes

São Paulo