PUBLICIDADE
Topo

São Paulo se aproxima de renovação com Danilo; Diniz ainda observa Fabinho

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo

17/01/2020 04h00

Resumo da notícia

  • São Paulo tem acordo encaminhado para renovar com Danilo
  • Meia-atacante formado em Cotia tem contrato só até abril
  • Clube ainda espera o aval de Diniz para saber o que fazer com Fabinho
  • Dupla subiu para o profissional nesta pré-temporada a pedido do técnico
  • O lateral Caio, outro que estourou idade para a base, deve renovar e ser emprestado
  • Outros garotos de Cotia tiveram futuro definido pelo Tricolor em 2020

Uma das tarefas do São Paulo para este início de ano era resolver o futuro de garotos que estouraram a idade para fazer parte das categorias de base do clube. Alguns foram efetivados no profissional, outros foram emprestados e ainda houve quem acabasse liberado no mercado da bola. Agora, a diretoria está perto de definir a situação de mais três desses jogadores.

O primeiro é Danilo. O meia-atacante de 20 anos tem agradado a Fernando Diniz nos treinos da pré-temporada e já até estreou como profissional na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2019, contra o CSA. O vínculo atual dele vai até abril apenas, mas os dirigentes estão otimistas de que a renovação sairá em breve.

Fabinho tem contrato até 30 de junho deste ano e é considerado o maior campeão de Cotia - Rubens Chiri/saopaulofc.net
Fabinho tem contrato até 30 de junho deste ano e é considerado o maior campeão de Cotia
Imagem: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Outro que foi promovido de vez agora para o profissional foi Fabinho. O atacante tem contrato até 30 de junho e ainda não sabe se fica no São Paulo. A promoção faz parte de uma tentativa de cativá-lo a ficar, para não perder de graça um jogador que teve bons momentos na base e é o maior campeão da história de Cotia.

Só que a permanência também está atrelada aos planos de Fernando Diniz. O técnico ainda não conhecia Fabinho de perto, já que o garoto viajou para Portugal no fim de 2019 e não pôde treinar e jogar com o time principal na rodada final do Brasileirão. Se Diniz aprová-lo, o clube renova e o mantém no grupo. A diretoria confia na boa relação com o empresário Júnior Pedroso, o mesmo de Antony, para chegar a um acordo.

Quem está perto de renovar, como Danilo, mas não será utilizado em 2020 é Caio. O lateral direito também tem contrato até junho, mas quer ficar e seus representantes têm conversas adiantadas com o São Paulo. A tendência é que ele seja emprestado para um clube do exterior, já que tem passaporte europeu e interessados de longa data em seu futebol.

Caio chegou a ser relacionado para o jogo contra o CSA na última rodada do Brasileirão de 2019 - Rubens Chiri/saopaulofc.net
Caio chegou a ser relacionado para o jogo contra o CSA na última rodada do Brasileirão de 2019
Imagem: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Por enquanto, o São Paulo já emprestou o volante Rafael e o zagueiro Felipe Camargo para o Cuiabá. O primeiro renovou até 2021 para ser cedido, enquanto o beque tem vínculo até 2022 e no ano passado atuou pelo Avaí. O lateral direito Carlinhos e o volante Alisson tinham contratos ainda mais curtos e já foram liberados definitivamente no mercado da bola. Alisson, inclusive, está perto de jogar pelo time B do Dallas FC, dos Estados Unidos.

São Paulo