PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Felipe Melo já pede foco no Ituano: "Negócio de Paulistinha não existe"

Do UOL, em São Paulo (SP)

16/01/2020 01h44

Classificação e Jogos

Paulistinha? Não para Felipe Melo. Na madrugada de hoje horário de Brasília (16), pouco depois da estreia do Palmeiras na temporada de 2020, o meio-campista/zagueiro pediu foco no primeiro jogo competitivo da temporada, marcado para o dia 22, contra o Ituano, fora de casa. O camisa 30 cobrou seriedade da equipe no Campeonato Paulista.

"Nosso foco é não perder e já tem que estar focado no Ituano, porque esse negócio de Paulistinha não existe", declarou o volante, em entrevista concedida depois do empate sem gols contra o Atlético Nacional, em Orlando.

"A cobrança é interna, começa com a gente. Nós nos cobramos muito, depois vai para o externo. Sabíamos da dificuldade hoje [jogo contra o Atlético Nacional], todo mundo quer ganhar do Palmeiras. Mas nós nos preparamos para isso, treinamos de manhã", contou.

A valorização do Campeonato Paulista por Felipe Melo contrasta com a fala do presidente Maurício Galiotte após a competição de 2018. Depois de toda a confusão na final vencida pelo Corinthians, o dirigente tratou o estadual como "Paulistinha", desvalorizando a competição da Federação Paulista de Futebol.

"O que aconteceu aqui é uma vergonha, um exemplo ruim que o futebol brasileiro dá. Interferência externa não é esporte. Não ganhamos a partida, porém houve interferência externa. (...) Campeonato estragado, jogado no lixo. O que digo ao torcedor palmeirense é: esqueçam o campeonato. O Palmeiras é muito maior do que o Paulistinha", declarou pouco depois da perda do título nos pênaltis.

A reclamação de Mauricio Galiotte tem como base o pênalti anulado sobre Dudu na final contra o Corinthians. A arbitragem marcou a infração de Ralf no camisa 7 palmeirense, mas voltou atrás. O jogo terminou 1 a 0 para o clube alvinegro, que se sagrou campeão nos pênaltis.

Palmeiras