PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Corinthians garante profissionalização do elenco do futebol feminino

Andressinha é o principal reforço do Corinthians para a temporada 2020 do futebol feminino - Divulgação/SC Corinthians Paulista
Andressinha é o principal reforço do Corinthians para a temporada 2020 do futebol feminino Imagem: Divulgação/SC Corinthians Paulista

Do UOL, em São Paulo

16/01/2020 17h44

O Corinthians profissionalizou todo seu elenco para a temporada de 2020, informou hoje o clube. A partir de agora, todas as atletas da equipe adulta terão registro em carteira.

A profissionalização do futebol feminino corinthiano foi idealizada em 2016. Com a medida, as jogadoras passarão a receber parte de seus vencimentos na carteira de trabalho, reservando as garantias e benefícios assegurados ao trabalhador contratado no regime CLT.

"O Corinthians sempre esteve na vanguarda no futebol feminino e este é um passo importante na conquista dos direitos trabalhistas, mostrando que respeita as minas por aqui é prática e não conversa fiada", definiu o presidente do clube, Andrés Sanchez.

Para a gestora do projeto alvinegro, Cristiane Gambaré , a profissionalização é uma iniciativa fundamental para a manutenção do alto nível dentro do esporte.

"O futebol feminino é realidade. Não temos mais como recuar. Nesse sentido, a profissionalização de nosso elenco é de suma importância e um avanço de peso dentro do Corinthians e da modalidade", afirmou.

O treinador Arthur Elias também celebrou o novo passo dado pelo clube, exaltando a participação de todo o clube na execução da iniciativa.

"A profissionalização é um novo passo muito importante dentro do desenvolvimento do futebol feminino. É mais uma importante medida do Corinthians, dentro de um projeto consolidado, que dará mais reconhecimento e oportunidades para nossas atletas", disse.

O Corinthians se reforçou para a temporada 2020. Além de trazer a meia Andressinha, o time se reforçou com Poliana, ala também de seleção brasileira, e trouxe Pâmela do futebol chinês.

De quebra, a diretoria manteve praticamente todo o elenco do histórico ano de 2019, que terminou com os títulos Paulista e da Libertadores, além de uma sequência ativa de 45 partidas de invencibilidade.

Futebol