PUBLICIDADE
Topo

Santos fica pessimista por renovação com xodó de André Jardine

Yuri Alberto em atuação pela seleção brasileira sub-20 - CBF
Yuri Alberto em atuação pela seleção brasileira sub-20 Imagem: CBF

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

14/01/2020 04h00

Resumo da notícia

  • O Santos está pessimista em renovar o contrato do atacante Yuri Alberto
  • O centroavante de 18 anos tem vínculo até julho e já pode assinar um pré-contrato em fevereiro
  • O camisa 9 é xodó do técnico André Jardine, da seleção brasileira de base, e disputa o Pré-Olímpico neste mês
  • Yuri está frequentemente na mira de clubes europeus. Ajax, Inter de Milão e Manchester United já chegaram a demonstrar interesse nele

O Santos está pessimista em relação à renovação de contrato do atacante Yuri Alberto. O centroavante, que está com a seleção brasileira sub-23 para a disputa do Pré-Olímpico da Colômbia, tem vínculo com o Peixe até julho e já pode assinar um pré-contrato a partir de fevereiro para deixar o clube de graça. As conversas entre as duas partes estão paradas.

Encostado na Vila Belmiro, Yuri é xodó do técnico da seleção de base André Jardine. Quando convocou o atleta para a disputa do Pré-Olímpico que acontece neste mês, Jardine disse que sabia que o nome do santista surpreenderia, mas encheu o jogador de elogios e afirmou que ele tem um "futuro brilhante na seleção".

A nova cúpula do Peixe, comandada pelo superintendente de futebol William Thomas, sabe da dificuldade para renovar com o jogador e lamenta que tenha chegado nesse ponto, tão próximo ao fim do vínculo sem acordo para renovar.

O estafe de Yuri Alberto não tem mais pressa. Sem procura do Peixe para renovar o vínculo antes, o atacante agora aguarda o final do Pré-Olímpico para sentar na mesa de negociação. O Santos sabe que o atleta terá mais visibilidade no torneio de seleções e pode voltar mais valorizado.

Yuri é monitorado por clubes europeus. O Peixe já rejeitou uma sondagem do Ajax, da Holanda, pelo jogador que chegou a ser observado in loco por um olheiro da Inter de Milão, da Itália. Antes de se tornar profissional, o centroavante também despertava interesse do Manchester United, da Inglaterra.

O jovem centroavante de 18 anos subiu ao profissional no final de 2018 junto com Rodrygo, seu parceiro de ataque nas categorias de base e hoje no Real Madrid. O camisa 9, no entanto, não teve muitas oportunidades e logo foi encostado. Apesar de fazer parte do elenco profissional e treinar na maioria das vezes com o grupo, ele atuava mais pelo sub-20 e sub-23.

Na temporada de 2019, foram apenas três jogos sob o comando de Jorge Sampaoli. No total, Yuri Alberto entrou em campo 22 vezes com a camisa do Peixe e marcou dois gols.

Santos