PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Xavi rejeita Barcelona agora e aceitará cargo em junho de 2021, diz jornal

Xavi, treinador do Al-Sadd, é cotado para assumir o cargo no Barcelona - Kai Pfaffenbach/Reuters
Xavi, treinador do Al-Sadd, é cotado para assumir o cargo no Barcelona Imagem: Kai Pfaffenbach/Reuters

Do UOL, em São Paulo

12/01/2020 10h34

Xavi Hernández, que hoje treina o Al-Sadd e é cotado para assumir o cargo no Barcelona, não aceitou a proposta do clube catalão para iniciar o trabalho neste momento.

A ideia do espanhol, segundo publicado pelo jornal Marca nesta manhã, é dar "ok" para o convite no Barça em junho de 2021, após eleições presidenciais no clube. Nada, no entanto, foi assinado.

Ontem, um dirigente do Al-Sadd confirmou à uma emissora local, pouco antes de uma partida decisiva do clube, que "há negociações entre Xavi e Barcelona" no momento. Muhammad Ghulam Al Balushi chegou a desejar sucesso a Xavi por "onde quer que vá".

Depois do jogo, o ex-jogador despistou sobre negociações, mas enfatizou o desejo. "Não posso esconder o meu sonho de treinar o Barcelona um dia, mas agora meu foco está no Al-Sadd. Não posso falar sobre o que acontece em Barcelona porque respeito o clube e (o atual técnico do Barça, Ernesto) Valverde".

O Marca ainda afirmou que, se "nada de estranho acontecer", o Barcelona vai encerrar a atual temporada sob comando de Ernesto Valverde, técnico que está no clube desde 2017.

Futebol