PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Seleção sub-23 tem 1º esboço do Pré-olímpico, goleia, mas ganha preocupação

Matheus Henrique, da seleção brasileira sub-23 e do Grêmio, fez o único gol dos titulares hoje (12) - Lucas Figueiredo/CBF
Matheus Henrique, da seleção brasileira sub-23 e do Grêmio, fez o único gol dos titulares hoje (12) Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Do UOL, em São Paulo

12/01/2020 12h10

A seleção brasileira sub-23 mostrou hoje (12), pela primeira vez, como deve iniciar o Torneio Pré-olímpico da Colômbia - a estreia acontece em 19 de janeiro, contra o Peru. Em jogo-treino contra os profissionais do Boavista no campo 2 da Granja Comary, o Brasil foi escalado com uma formação diferente em cada tempo e venceu por 4 a 0, com gols de Matheus Henrique, Bruno Tabata, Reinier e Igor Gomes. Apesar da vitória, o técnico André Jardine ganhou uma preocupação para os próximos dias.

Escalado como titular contra o Boavista, o zagueiro Walce sofreu uma torção no joelho esquerdo e foi retirado do gramado de maca. O departamento médico da seleção brasileira ainda não divulgou informações mais detalhadas sobre a situação do jogador do São Paulo. O embarque para a Colômbia será no dia 15 (quarta-feira).

Com Walce, o time titular foi o seguinte: Ivan; Guga, Walce, Robson Bambu e Caio Henrique; Bruno Guimarães, Matheus Henrique (capitão) e Pedrinho; Antony, Paulinho e Matheus Cunha. No segundo tempo o time foi todo alterado: Cleiton; Dodô, Bruno Fuchs, Nino e Iago; Maycon, Igor Gomes e Reinier; Bruno Tabata, Pepê e Yuri Alberto.

Três dos quatro gols saíram no segundo tempo, com reservas em campo. O primeiro foi marcado por Matheus Henrique, do Grêmio, em cobrança de falta.

Lucas Figueiredo/CBF
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

A seleção brasileira sub-23 entra em campo na terça-feira (14), em novo jogo-treino, desta vez contra a Portuguesa. O embarque à Colômbia será no dia seguinte, às 6h25. Os jogos do Grupo B do Pré-olímpico serão contra Peru (dia 19), Uruguai (22), Bolívia (28) e Paraguai (31). Os dois primeiros colocados avançam para o quadrangular final, que dá duas vagas nos Jogos Olímpicos de Tóquio e na final, em 9 de fevereiro.

André Jardine sofreu para fechar o grupo. Dos 23 convocados em 16 de dezembro, sete foram cortados até a apresentação, em 3 de janeiro: Emerson (Betis-ESP), Ayrton Lucas (Spartak Moscou-RUS), Gabriel (Lille-FRA), Ibañez (Atalanta-ITA), Douglas Luiz (Aston Villa-ING), Wendel (Sporting-POR) e Gabriel Martinelli (Arsenal-ING).

Pedrinho, do Corinthians, foi escalado como titular da seleção sub-23 do primeiro esboço do pré-olímpico - Lucas Figueiredo/CBF
Pedrinho, do Corinthians, foi escalado como titular da seleção sub-23 do primeiro esboço do pré-olímpico
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Veja o elenco da seleção sub-23 para o Pré-olímpico:

Goleiros: Ivan (Ponte Preta), Cleiton (Atlético-MG) e Phelipe (Grêmio)

Laterais-direitos: Guga (Atlético-MG) e Dodô (Shakhtar Donetsk-UCR)

Laterais-esquerdos: Caio Henrique (Atlético de Madri-ESP) e Iago (Augsburg-ALE)

Zagueiros: Robson Bambu (Athletico Paranaense), Walce (São Paulo), Nino (Fluminense) e Bruno Fuchs (Internacional)

Meio-campistas: Bruno Guimarães (Athletico Paranaense), Maycon (Shakhtar Donetsk-UCR), Igor Gomes (São Paulo), Matheus Henrique (Grêmio), Reinier (Flamengo) e Pedrinho (Corinthians)

Atacantes: Antony (São Paulo), Bruno Tabata (Portimonense-POR), Pepê (Grêmio), Matheus Cunha (RB Leipzig-ALE), Paulinho (Bayer Leverkusen-ALE) e Yuri Alberto (Santos).

Futebol