PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Duílio se desculpa por "brincadeira" com nº 24: "Corinthians é de minorias"

Do UOL, em São Paulo

10/01/2020 17h13

O assunto do dia é a camisa que Victor Cantillo usará no Corinthians. Em vídeo publicado em seu perfil pessoal do Instagram, o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves pediu desculpa após dizer "24 aqui não", em referência ao número que o atleta usava no Junior Barranquilla, da Colômbia. O comentário fez com que muitos torcedores acusassem o cartola de homofobia.

"Boa tarde a todos. Em primeiro lugar, eu quero me desculpar pela brincadeira infeliz e informal que fiz antes da apresentação do atleta Victor Cantillo. O Corinthians é o time do povo, é o time das minorias, é o time de todos, e sempre usa sua marca em favor de campanhas contra qualquer tipo de preconceito. Não temos nenhum problema com o número 24", declarou.

"Em 2012, quando eu também era diretor de futebol, fomos campeões invictos da Libertadores. E nosso goleiro, Cássio, um dos maiores ídolos de toda a nossa história, usou essa camisa. O Cantillo usará a 8 em homenagem a Freddy Rincón, um meio-campista, também colombiano, campeão do mundo em 2000 e um grande ídolo de nossa torcida. Quero deixar claro que tenho total respeito a tudo e a todos. Um grande abraço", concluiu Duílio.

Em sua apresentação, hoje, Cantillo teve oportunidade de falar sobre Rincón. "Eu sei que o Freddy marcou a sua história no Corinthians. Será difícil ser igual. Quero competir em boa forma, conquistar meus objetivos, conquistar uma vaga entre os 11, competir em boa forma para o Corinthians ser ainda maior", afirmou o novo reforço corintiano.

Corinthians