PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Fluminense estreia na Copinha com goleada sobre time de técnico japonês

Jefferson, do Fluminense, comemora seu gol marcado diante do Socorro (SE), durante partida válida pela 1ª rodada da Copa São Paulo, a Copinha - Luciano Claudino/Estadão Conteúdo
Jefferson, do Fluminense, comemora seu gol marcado diante do Socorro (SE), durante partida válida pela 1ª rodada da Copa São Paulo, a Copinha Imagem: Luciano Claudino/Estadão Conteúdo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

02/01/2020 21h09

O Fluminense estreou na Copa São Paulo de Futebol Júnior, a Copinha, com uma goleada sobre o Socorro, time de Sergipe que é treinado pelo japonês Yasutoshi Miura. A equipe tricolor venceu por 5 a 0, com gols de Luiz Henrique, Lucas Ribeiro, Jefferson, Denílson e Jhon Kennedy.

Com o resultado, o Flu é o líder do Grupo 15. O Ituano, que derrotou o Vilhenense por 1 a 0, ocupa a segunda colocação. Na próxima rodada, o Tricolor encara o Vilhenense, domingo, às 18h, enquanto o Socorro pega o Ituano, às 20h45.

Yasutoshi Miura foi jogador profissional e teve passagem por clubes tradicionais do Japão, como Verdy Tokyo e Vissel Kobe, além de também defender a seleção. No Brasil, vestiu a camisa do Santos entre os anos de 84 e 85. Ele é irmão de Kazuyoshi Miura, o Kazu, primeiro japonês a marcar um gol atuando no futebol brasileiro e também o primeiro japonês a disputar o Campeonato Italiano.

O Fluminense comandou o ritmo do primeiro tempo e conseguiu balançar a rede três vezes em um espaço de oito minutos. Luiz Henrique marcou aos 13, Lucas Ribeiro aos 15 e Jefferson aos 21. O Socorro tentou acertar os ponteiros, mas não teve muito sucesso até o intervalo.

Na etapa final, um panorama parecido: Fluminense com maior presença no campo ofensivo e o Socorro tentando ir à frente da forma que podia. O jogo, porém, se mostrava mais morno, mas, depois de uma mudança quádrupla, o Tricolor chegou ao quarto gol. Denílson, que fez parte do grupo que havia acabado de entrar, aproveitou bobeira da zaga e mandou para o fundo da rede. Jhon Kennedy, após lançamento em profundidade, ainda fez o quinto, aos 30, dando números finais ao duelo.

Errata: o texto foi atualizado
Na legenda da foto, o jogador em primeiro plano é Jefferson, e não Luiz Henrique.

Fluminense