PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Odebrecht perdeu muito dinheiro na Arena Corinthians, diz Marcelo

15.dez.2016 -- O empreiteiro Marcelo Odebrecht - Giuliano Gomes/Folhapress
15.dez.2016 -- O empreiteiro Marcelo Odebrecht Imagem: Giuliano Gomes/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

17/12/2019 12h11

O engenheiro Marcelo Odebrecht, que ficou preso mais de dois anos pela Operação Lava Jato, disse que a empresa perdeu muito dinheiro na construção da Arena Corinthians.

A declaração foi dada em entrevista ao jornal O Globo publicada hoje, sem maiores detalhes. Marcelo respondia a uma pergunta sobre a sustentabilidade da ambição da empresa em 2010 — naquele ano, a Odebrecht era líder no setor de infraestrutura em 2010, mas estava presente em outros setores, como petroquímica e bioenergia.

"A maior parte do nosso crescimento e diversificação era sustentável: a internacionalização da companhia que vinha desde os anos 1980, a Braskem, óleo e gás... mas nos aventuramos no setor de etanol a pedido do governo, e tivemos muito prejuízo, assim como no estaleiro na Bahia. A Arena Corinthians foi uma dessas missões em que perdemos muito dinheiro", declarou.

Na mesma entrevista, Odebrecht diz que sempre houve tolerância com o caixa dois e classificou a crença de que os fins justificam os meios como "um grande pecado" cometido pela empresa.

Ouça o podcast Posse de Bola, a mesa redonda do UOL sobre futebol, com Arnaldo Ribeiro, Eduardo Tironi, Juca Kfouri e Mauro Cezar Pereira.

Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Futebol