PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG segue de olho em Sampaoli, mas estuda outras opções no mercado

Jorge Sampaoli, ex-treinador do Santos, está na mira do Atlético-MG para 2020 - Bruno Ulivieri/AGIF
Jorge Sampaoli, ex-treinador do Santos, está na mira do Atlético-MG para 2020 Imagem: Bruno Ulivieri/AGIF

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

15/12/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Atlético-MG ainda espera contar com Jorge Sampaoli em 2020. Os mineiros conversam com o estafe do argentino, apesar da pedida elevada
  • Treinador é o predileto do departamento de futebol liderado por Rui Costa. Porém, a cúpula avalia outros nomes no mercado da bola
  • Miguel Ángel Ramirez, hoje no Independiente Del Valle (EQU), e Roger Machado, do Bahia, são opções em caso de fracasso na negociação com Sampaoli
  • A intenção da diretoria atleticana é definir o técnico até o fim da próxima semana

O Atlético-MG ainda sonha com a contratação de Jorge Sampaoli no mercado da bola. Mesmo com a desistência do Palmeiras, o clube sabe que é difícil contar com o treinador em 2020. Por isso, a diretoria avaliar outros nomes para o cargo. Miguel Ángel Ramirez, hoje no Independiente Del Valle (EQU), e Roger Machado, do Bahia, são nomes que agradam à cúpula.

O argentino é o predileto da diretoria. O trabalho feito por ele no Santos agradou o departamento de futebol liderado por Rui Costa. O dirigente crê que o estrangeiro pode repetir o bom desempenho da Vila Belmiro na Cidade do Galo.

O que impede o acordo imediato é o pedido elevado de Sampaoli. O técnico quer receber 4,5 milhões de euros livres por ano. O valor é o equivalente a R$ 20,5 milhões na cotação atual e será pago para ele e os seus auxiliares. Com o montante diluído em 12 meses, a comissão técnica custará R$ 1,7 milhão por mês. O valor representa mais de 20% da atual folha salarial do clube.

Sem grana, os mineiros contam com um investidor para pagar o técnico. Inclusive, o parceiro participa diretamente do negócio com o estafe do treinador.

Jorge Sampaoli, entretanto, não é o único nome que agrada à diretoria do Atlético. Miguel Ángel Ramírez, do Independiente del Valle (EQU), é um dos nomes que agrada. O técnico espanhol foi campeão da Sul-Americana e teve o trabalho aprovado pelo departamento de futebol alvinegro. O Palmeiras também trabalha com o nome do europeu.

Outro técnico que interessa é Roger Machado, que já esteve na Cidade do Galo em 2016, durante a gestão de Daniel Nepomuceno. Com contrato no Bahia até o fim de 2020, o gaúcho já trabalhou com Rui Costa e também é uma possibilidade.

A intenção da diretoria atleticana é definir o técnico até o fim da próxima semana.

Atlético-MG