PUBLICIDADE
Topo

STJD multa Botafogo em R$ 50 mil por confusão em clássico com o Flamengo

Em julgamento no STJD, Botafogo foi multado por confusão em clássico com o Flamengo - Alexandre Araújo/UOL Esporte
Em julgamento no STJD, Botafogo foi multado por confusão em clássico com o Flamengo Imagem: Alexandre Araújo/UOL Esporte

Alexandre Araújo

Do UOL, no Rio de Janeiro

05/12/2019 16h35

Em julgamento no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), na tarde de hoje (5), o Botafogo foi condenado ao pagamento de R$ 50 mil de multa por conta da confusão no clássico com o Flamengo, no Nilton Santos, no começo do mês passado, pelo Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro terá de pagar R$ 10 mil pelas cadeiras quebradas. Ainda cabe recurso.

Além disso, o clube de General Severiano deverá pagar R$ 2 mil devido ao atraso do time no retorno para o segundo tempo da partida.

O Alvinegro, mandante da partida, foi enquadrado no artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que fala em "deixar de prevenir e reprimir desordens". O clube, por outro lado, não perderá mando de campo.

O Flamengo, também apontado no artigo 213, "desordem feita pela torcida da entidade adversária, tanto a entidade mandante como a entidade adversária serão puníveis", foi absolvido.

O Botafogo foi absolvido do artigo 211 do CBJD, que fala em "deixar de manter o local que tenha indicado para a realização do evento com infraestrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para a sua realização".

No entendimento do STJD, o Nilton Santos apresenta as condições necessárias para ser palco de grandes partidas e os episódios relatados foram atípicos. Durante o julgamento, houve a apresentação de videos das confusões e a leitura de notícias que foram divulgadas em diversos veículos sobre os ocorridos durante o clássico.

O Rubro-Negro foi punido com R$ 10 mil por conta das cadeiras quebradas. Por maioria, os dois clubes foram absolvidos no artigo 257 do CBJD.

Luiz Fernando absolvido

Expulso no clássico após receber o segundo cartão amarelo, por falta em Bruno Henrique, o atacante Luiz Fernando foi absolvido. Ele fica apenas com a suspensão automática, já cumprida na rodada seguinte do Campeonato Brasileiro.

Futebol