Topo

Caio Henrique despista sobre renovação com o Flu: "Não depende só de mim"

Sem saber se fica no Flu, Caio Henrique é o jogador que mais atuou no Brasil em 2019 - Daniel Perpétuo/Fluminense FC
Sem saber se fica no Flu, Caio Henrique é o jogador que mais atuou no Brasil em 2019 Imagem: Daniel Perpétuo/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

03/12/2019 17h38

Destaque do Fluminense na temporada, Caio Henrique não sabe se continua no clube em 2020. O volante de 22 anos que virou lateral-esquerdo está emprestado até o fim do ano pelo Atlético de Madrid, e seu futuro segue indefinido.

"Sempre deixei bem claro que estou adaptado, fui bem recebido no clube, foi onde reencontrei meu futebol e estou tendo a melhor fase da carreira. Deixo isso para o final do Campeonato Brasileiro, ainda temos dois jogos, é algo que não depende só de mim, tenho contrato com o Atlético de Madrid e deixo para o estafe e o presidente cuidarem. Espero fazer mais dois grandes jogos com a camisa do Fluminense e depois discutir essa renovação", declarou, em coletiva no CT Carlos Castilho nesta terça-feira (4).

Jogador que mais atuou no futebol brasileiro em 2019, mesmo contando os goleiros, Caio Henrique é um dos poucos do elenco que seguem prestigiados pela torcida do Tricolor. Até por isso, quer "dar satisfação" aos torcedores com a classificação para a Copa Sul-Americana.

"Sou muito grato ao Fluminense por ter me aberto as portas. Eu tinha em mente vir para cá para jogar, aparecer para o cenário nacional, já que eu deixei o país muito cedo para a Europa. Poder voltar à seleção olímpica é outro objetivo que conquistei graças ao Fluminense, por estar jogando bem, então acho que foi um ano proveitoso para mim. Infelizmente não conseguimos alguns objetivos como a Copa Sul-Americana, que era uma coisa que a torcida queria bastante, mas temos a chance de nos classificarmos novamente e tentar conquistar esse título que o clube ainda não tem. Vamos focar nessas partidas que faltam para dar essa satisfação à torcida", projetou.

Sobre o jogo de quarta-feira, quando o Flu enfrenta o Fortaleza, às 21h30, no Maracanã, o lateral-esquerdo só pensa em vencer. O Tricolor não tem sido um bom mandante no Campeonato Brasileiro, mas está há quatro jogos sem perder. A equipe pode empatar a melhor sequência na competição se seguir invicta contra os cearenses.

"Pecamos em bastante detalhes, até porque no primeiro semestre dominávamos os adversários mas não vencíamos, tomamos muitos gols nos últimos minutos, mas são coisas que fomos corrigindo. Estamos há quatro ou cinco jogos sem perder, mais uma vez, então mostra que estamos concentrados e prontos para fazer um grande jogo amanhã. Só a vitória importa para conquistarmos essa classificação", disse.

Com 42 pontos e em 15º na tabela, o Fluminense precisa subir ao menos mais uma posição para se classificar para a Copa Sul-Americana. A equipe disputa uma das três vagas com Botafogo, Atlético-MG e Vasco.

Fluminense