Topo

Futebol


9 jogadores do exterior que podem assinar pré-contrato de graça para julho

Estrela do Paris Saint-Germain, Edinson Cavani foi especulado como um possível reforço do Flamengo - FRANCK FIFE/AFP
Estrela do Paris Saint-Germain, Edinson Cavani foi especulado como um possível reforço do Flamengo Imagem: FRANCK FIFE/AFP

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

02/12/2019 04h03

Com o fim do Campeonato Brasileiro 2019, os clubes já começam a agitar o mercado da bola. Negociações já estão a todo vapor. No entanto, há quem pense em julho de 2020. Grandes estrelas do futebol europeu veem seus contratos se encerrando no período e podem assinar pré-contrato a partir de janeiro.

O UOL Esporte preparou uma lista mostrando os atletas que podem firmar um pré-acordo a partir de janeiro do próximo ano e têm alguma possibilidade de reforçar times do futebol brasileiro.

Edinson Cavani (PSG)

Maior artilheiro da história do Paris Saint-Germain, Edinson Cavani tem contrato com o clube até 30 de junho de 2020. O jogador de 32 anos foi especulado no Flamengo e pode deixar o Parque dos Príncipes em breve. Ele ainda não definiu o futuro.

Thiago Silva (PSG)

Ídolo da torcida do Fluminense, o zagueiro também tem contrato com o PSG até o fim de junho. A sua situação é uma incógnita. No entanto, ele segue como titular da equipe comandada por Thomas Tuchel. O clube deve se reunir com o jogador novamente em janeiro.

Willian (Chelsea)

O craque brasileiro tem contrato com o Chelsea, da Inglaterra, até 30 de junho do ano que vem. As conversas para a sua renovação estão paralisadas. Ele foi recentemente especulado no Barcelona. O seu futuro é uma incógnita e ele já pode assinar pré-contrato a partir de janeiro. Willian tem 31 anos.

Fernandinho (Manchester City)

Aos 34 anos, o volante brasileiro é um dos pilares do time de Pep Guardiola. Presente em duas edições de Copa do Mundo, ele é uma boa opção para clubes brasileiros a partir da próxima temporada. Experiente, estará livre para assinar pré-contrato em janeiro de 2020.

Jemerson (Monaco)

Revelado pelo Atlético-MG, o zagueiro de 27 anos tem vínculo com o Monaco até junho de 2020. Ele é titular absoluto do time. No entanto, ainda não resolveu a sua situação contratual. Ele pode assinar pré-contrato a partir de janeiro.

Charles Aránguiz (Leverkusen)

Hoje no Bayer Leverkusen, o meio-campista chileno de 30 anos tem contrato até junho de 2020 e poderá assinar um pré-acordo já em janeiro. O Internacional é um dos interessados em contar com o atleta. Ele já defendeu a equipe no início da década. A sua volta é estudada pela diretoria colorada.

Éver Banega (Sevilla)

Aos 31 anos, o meio-campista argentino defende as cores do Sevilla. Em terras sul-americanas, ele jogou por Boca Juniors e Newell's Old Boys. Adquirido por 7 milhões de euros pelo Sevilla, em julho de 2017, o jogador é uma boa opção para time da América do Sul.

Martín Cáceres (Fiorentina)

O zagueiro e lateral direito já foi alvo do Atlético-MG em anos anteriores. Aos 32 anos, ele tem contrato com a Fiorentina até 30 de junho de 2020 e pode assinar um pré-vínculo com outro clube em janeiro. O atleta tem 32 anos e conta com passagem pela Juventus.

Lucas Biglia (Milan)

O argentino defende as cores do Milan. Aos 33 anos, ele também é uma opção para o mercado do futebol brasileiro. Ele está autorizado a assina pré-contrato a partir de janeiro.

Futebol