Topo

Derrota do Cruzeiro tem choro e discurso de esperança: "tem que acreditar"

Orejuela chora na saída do gramado de São Januário; Cruzeiro perdeu e pode ser rebaixado na próxima rodada - Reprodução/Sportv
Orejuela chora na saída do gramado de São Januário; Cruzeiro perdeu e pode ser rebaixado na próxima rodada Imagem: Reprodução/Sportv

Do UOL, em Belo Horizonte

02/12/2019 22h23

O Cruzeiro perdeu por 1 a 0 para o Vasco e, agora a duas rodadas do fim do Campeonato Brasileiro, segue na zona de rebaixamento. Com o revés em São Januário, o time mineiro vê o Ceará abrir dois pontos de vantagem na classificação e corre o risco de cair para a segunda divisão já na próxima jornada. A saída de campo após a derrota teve jogadores em silêncio ou até mesmo choro.

Na saída de campo, o lateral direito colombiano Orejuela foi visto chorando. Cena parecida aconteceu com o jovem volante Éderson, que deixou o gramado com os olhos marejados. A vasta maioria do jogadores preferiu não dar entrevistas. Ao contrário do capitão Henrique, um dos mais experientes do clube. Veio dele um discurso de esperança por uma reviravolta nos próximos dias.

"É vencer, buscar duas vitórias. É o campeonato inteiro dessa forma, temos que buscar duas vitórias e torcer por uma derrota do Ceará para nos livrarmos. É buscar, acreditar. Se há possibilidade, por mais difícil que seja, temos que acreditar. Eu também sinto, por mais que esteja nessa posição (de capitão do time), sentimos muito por isso. Mas eu continuo tendo esperança e fé que vamos fazer de tudo para tirar o Cruzeiro dessa situação que nós mesmo colocamos", comentou o veterano.

Com o resultado, o Cruzeiro permaneceu no Z-4, com 36 pontos. Na próxima quinta-feira, a equipe enfrenta o Grêmio, em Porto Alegre. Antes disso, o Ceará recebe o Corinthians. Em caso de vitória ou empate do Vovô e de um novo tropeço celeste, a Raposa irá amargar um inédito rebaixamento ainda antes da última rodada do Brasileirão.

Cruzeiro