Topo

Com Atlético garantido na elite, Victor voltará ao gol no fim do Brasileiro

Ídolo do clube, goleiro ainda jogará um ou dos jogos do Atlético na temporada de 2019 - REUTERS/Washington Alves
Ídolo do clube, goleiro ainda jogará um ou dos jogos do Atlético na temporada de 2019 Imagem: REUTERS/Washington Alves

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

02/12/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Atlético-MG garantiu sua permanência matemática na Série A depois de bater o Corinthians
  • Sem o risco de queda, goleiro Victor será utilizado em pelo menos um dos dois jogos restantes
  • Goleiro não joga há mais de quatro meses por causa de uma lesão no joelho
  • Boa fase de Cleiton permitiu que departamento médico tratasse Victor sem pressa

Conforme esperado, o Atlético-MG terá a volta de Victor abaixo de suas traves. O retorno do goleiro já era planejado e foi confirmado na noite de ontem, depois que o Galo venceu o Corinthians por 2 a 1 e garantiu sua permanência na elite do Brasileirão. Mesmo com Cleiton em boa fase, Victor terá a chance de encerrar o ano voltando a jogador com a camisa alvinegra.

"Ele terá (a chance de voltar ao time). Eu não diria testar, mas é lógico que darei ao Victor uma oportunidade de voltar a jogar, de terminar o ano de uma forma real. Sobre os outros jogadores, não estou dizendo que vou descaracterizar o time, é importante vencer as duas partidas que faltam, mas também é importante dar mais oportunidades a outros atletas para encerrar o ano de forma mais positiva", comentou Vagner Mancini.

Hoje aos 36 anos, Victor convive como reserva do time pela primeira vez desde a sua contratação, ocorrida em 2012. Por causa de uma lesão no joelho, o goleiro passou um longo tempo em recuperação. Como o jovem Cleiton, de 22 anos, deu conta do recado, o departamento médico tratou a situação de Victor com cautela até o goleiro estar 100% disponível para jogo.

A última partida de Victor com a camisa do Galo foi no clássico contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil. Eliminado do torneio, o goleiro iniciou um tratamento e só retornou quatro meses depois. Nos últimos quatro jogos do Atlético, ele esteve à disposição de Vagner Mancini, mas ficou apenas no banco de reservas. Com contrato até dezembro de 2020, Victor deve começar a se preparar para suas últimas temporadas no clube. Por causa da alta idade, ainda não é certo que o goleiro irá renovar seu vínculo ou se irá dependurar suas chuteiras após a temporada que vem.

Atlético-MG