Topo

Rodada ajuda, e Fluminense pega CSA dependendo só de si para deixar o Z-4

Marcos Paulo é esperança de gols do Fluminense contra o CSA - Bruno Ulivieri/AGIF
Marcos Paulo é esperança de gols do Fluminense contra o CSA Imagem: Bruno Ulivieri/AGIF

Do UOL, no Rio de Janeiro

25/11/2019 04h00

A situação do Fluminense no Campeonato Brasileiro é difícil, mas reversível. A 34ª rodada ajudou o Tricolor em suas pretensões de sair da zona de rebaixamento, e agora o time comandado por Marcão só precisa pontuar no jogo contra o CSA, hoje (25), às 20h, no Rei Pelé, para empurrar o Cruzeiro para a turma do descenso.

A derrota da equipe celeste para o Santos, de goleada, no sábado, permite ao Flu deixar o Z4 com suas próprias pernas. Com 35 pontos e na 17ª colocação, o Tricolor tem duas vitórias a mais que os mineiros, e mesmo com um empate com o CSA --18º com 29 pontos-- conseguiria alívio temporário no Brasileirão. Nem mesmo a vitória do Botafogo sobre o Corinthians atrapalhou as pretensões tricolores.

No desembarque da equipe em Maceió, o meia Paulo Henrique Ganso falou sobre o momento da equipe, lembrando que o Fluminense depende apenas de suas forças para fugir do rebaixamento.

"Cada partida tem que ser encarada como uma final. O momento que nos encontramos não é fácil. Mas no momento só dependemos de nós mesmos. Não é um momento confortável para a gente. Procuramos passar tranquilidade para os mais jovens, para que eles possam também fazer o melhor em campo e para que possamos alcançar as vitórias", declarou.

A definição do título do Brasileirão, ainda que em favor do arquirrival Flamengo, pode ajudar o Flu. Isso porque o Tricolor ainda joga contra o Palmeiras, na quinta (28), e o Alviverde não tem mais grandes aspirações na competição.

O Fluminense não deve ter novidades na equipe para enfrentar o CSA, apenas a volta de Caio Henrique, que estava com a seleção olímpica e não atuou no empate com o Atlético-MG. O time comandado por Marcão irá a campo com Marcos Felipe, Gilberto, Nino, Digão e Caio Henrique; Yuri, Allan, Daniel e Ganso; Marcos Paulo e Yony González. O atacante João Pedro, que contraiu uma virose, se soma a Rodolfo, Muriel, Matheus Ferraz, Mascarenhas e Orinho como desfalques do Tricolor.

Fluminense