PUBLICIDADE
Topo

Esporte

PSG avança e vê clima otimista para renovar com Mbappé, diz jornal

Kylian Mbappe comemora um de seus gols em jogo de PSG contra Olympique, em outubro - Martin BUREAU / AFP
Kylian Mbappe comemora um de seus gols em jogo de PSG contra Olympique, em outubro Imagem: Martin BUREAU / AFP

Do UOL, em São Paulo

25/11/2019 09h58

O contrato de Mbappé com o PSG vai até 2022, mas o clube francês não quer dar chances para perder sua estrela. De acordo com o jornal L'Equipe, as negociações já estão avançadas para que o atacante renove.

Mbappé é cotado como a prioridade do PSG no momento - à frente de Neymar ou de Icardi, que pode ser comprado em definitivo. O L'Equipe informou que o clima para a renovação com o atacante é bom e evoluiu em relação a meses atrás, quando o acordo era mais incerto.

Novas conversas tiveram início neste mês de novembro, com tom otimista das duas partes. Ainda assim, Leonardo e o PSG sabem que o caminho para fechar contrato é longo.

Mbappé ainda não está totalmente convencido de prolongar seu atual acordo, já que sabe que isso pode dificultar uma saída. A sombra da possibilidade de uma oferta do Real Madrid influencia a disputa, mas o PSG ainda não teria oferecido um aumento de salário relevante ao jogador.

"Quero ganhar o que não ganhei"

Em entrevista ao site da Fifa, Mbappé afirmou que seu grande objetivo é "ganhar o que ainda não ganhei".

"Eu quero tentar ganhar a Copa do Mundo de novo, mas também quero troféus que ainda não tenho, e isso inclui a Champions, é claro. É a competição que todo jogador sonha em conquistar. Tenho sorte de jogar com gente que já venceu, e aprendo com eles todos os dias", afirmou ele.

"O mais importante para vencer é o foco. Mudamos algumas coisas no versão, que foram positivas para mim, mas tento não pensar muito sobre isso. Vamos trabalhar e manter a calma. Temos grandes jogadores e queremos criar um time de verdade. Acho que estamos no caminho certo", analisou o atacante.

Mbappé ainda se mostrou muito consciente de seu momento. Para ele, a experiência que vem ganhando é fundamental para o que ele quer conquistar. "Minha carreira se fará com o que eu realizar nos próximos 10 ou 15 anos. Mas a base para isso é feita agora."

Esporte