Topo

Botafogo entra na zona de rebaixamento e se esforça para evitar pessimismo

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

08/11/2019 04h00

O Botafogo manteve sua rotina recente de péssimos resultados e entrou na zona de rebaixamento a sete rodadas do fim do Campeonato Brasileiro. Para piorar, isso ocorreu após uma derrota para o maior rival dentro da própria casa. O cenário de terra arrasada, no entanto, ainda não aflige o Alvinegro.

Na visão do Botafogo, o desempenho diante do líder Flamengo mostrou o caminho a ser seguido nesta reta final de competição. Aguerrida, a equipe pressionou o adversário no primeiro tempo e teve boas oportunidades para abrir o placar.

Mesmo após a expulsão de Luiz Fernando, no início do segundo tempo, o Botafogo ainda deu motivos para sua torcida acreditar que seguirá na elite do futebol brasileiro em 2020. Os jogadores mostraram entrega acima do normal e que não queriam deixar o gramado derrotados. O gol do Flamengo saiu nos minutos finais, mas foi um jogo duro.

Tanto que após a partida, o técnico Alberto Valentim tratou de espantar o pessimismo que pode rondar a cabeça dos torcedores. O treinador foi enfático: "O Botafogo não vai cair, precisamos repetir jogos como fizemos hoje, com muita intensidade, entrega dos jogadores. Corrigindo erros no decorrer do campeonato tenho certeza que vamos conseguir a pontuação necessária".

Na zona de rebaixamento, o Botafogo encerra o que enxergava como sua pior sequência nesta reta final de Brasileiro. Foram quatro derrotas para Grêmio, Cruzeiro, Santos e Flamengo. Após essa série, o Alvinegro entende que volta a encarar adversários que tenha mais possibilidade de vencer.

Na próxima rodada, o Botafogo recebe o lanterna Avaí, na segunda-feira, novamente no Nilton Santos. Com 33 pontos, o Alvinegro entende que a partida é fundamental para o time seguir na elite na próxima temporada.

Botafogo