Topo

Flamengo supera seu mês mais desafiador e mira novembro de conquistas

Jorge Jesus comemora com jogadores do Flamengo após goleada sobre o Grêmio pela Libertadores - Thiago Ribeiro/AGIF
Jorge Jesus comemora com jogadores do Flamengo após goleada sobre o Grêmio pela Libertadores Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

02/11/2019 04h00

O Flamengo tropeçou contra o Goiás, mas o time passou ileso por outubro e venceu seu mês mais desafiador desde que a temporada começou. Não apenas no maior volume de jogos, mas também dada a importância dos confrontos.

Foram nove partidas neste período, maior marca em todo o ano. Ao todo, os comandados de Jorge Jesus venceram sete vezes e empataram somente duas. Este recorte inclui a semifinal da Copa Libertadores, que foi definida após a goleada por 5 a 0 sobre o Grêmio. Em Porto Alegre, os rivais ficaram no empate por 1 a 1.

No Campeonato Brasileiro, o time chegou a estar a 10 pontos de vantagem do vice-líder Palmeiras durante outubro, mas fechou o mês com "apenas" oito de frente na tabela de classificação. Os adversários foram Chapecoense, Atlético-MG, Athletico, Fortaleza, Fluminense, CSA e Goiás.

"Não tem nada fácil, já sabíamos disso. Falta muito caminho pela frente, temos de continuar lutando e crescendo", ponderou o lateral Filipe Luís.

Coma vaga na finalíssima da Copa Libertadores em mãos e a nove rodadas do fim da competição nacional, o Fla entra em novembro com a expectativa de consolidar conquistas. Ainda que não seja uma missão das mais fáceis, há a possibilidade e embarcar para Santiago (CHI), local da decisão continental ante o River Plate, dia 23, com o Brasileiro já no bolso. O discurso na Gávea, no entanto, é o de "jogo a jogo".

"Nós tentamos trazer as nossas ideias e compartilhar com os jogadores. Nossa metodologia de treino e jogo é essa. Não estou dizendo que é a certa, mas é assim que pensamos. Sabemos fazer uma rotatividade sem mudar dez ou 11 jogadores, como fazem aqui no Brasil. Cada um faz de uma forma", defendeu Jorge Jesus.

O Fla inicia o que pode ser um dos mais felizes meses de sua história amanhã (3), quando encara o Corinthians, às 16h, no Maracanã. Com o resultado em Goiânia, a vitória sobre os paulistas tornou-se ainda mais fundamental para a manutenção de uma vantagem confortável. O calendário aponta oito duelos para novembro. Se tudo correr bem para os rubro-negros, o suor pode ser transformado em festa.

Número de jogos do Fla mês a mês

Janeiro - 4
Fevereiro - 4
Março - 8
Abril - 7
Maio - 7
Junho - 4
Julho - 7
Agosto - 6
Setembro - 6
Outubro - 9

Flamengo