Topo

Futebol


Atlético-MG quer atenuar atrito entre Kalil e Sette Câmara em meio à crise

Alexandre Kalil, prefeito de Belo Horizonte, se ausentou de reunião do Conselho Deliberativo como protesto - Samerson Gonçalves/UOL
Alexandre Kalil, prefeito de Belo Horizonte, se ausentou de reunião do Conselho Deliberativo como protesto Imagem: Samerson Gonçalves/UOL

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

01/11/2019 04h00

O Atlético-MG vive um momento conturbado em 2019. Na luta contra o rebaixamento para a Série B, a diretoria tenta apaziguar um problema interno. O presidente Sérgio Sette Câmara e Alexandre Kalil, prefeito de Belo Horizonte e ex-mandatário do clube, não têm a mesma relação de outrora.

A cúpula atleticana não fala abertamente sobre o caso, mas há divergências de pensamento entre as partes. Um dos apoiadores de Sette Câmara na eleição de dezembro de 2017, Kalil está decepcionado com a administração do antigo aliado e deixou isso claro ao se ausentar da reunião que elegeu Castellar Guimarães Filho como presidente do Conselho Deliberativo.

Na ocasião, o político não foi à sede administrativa do clube como forma de protesto. A ideia era externar a chateação com o momento vivido pelo clube. Kalil entrou em contato com o vencedor do pleito para parabenizá-lo e desejar boa sorte no novo cargo, evitando uma aparição pública.

A relação da dupla começou a desandar no fim de 2018. O UOL consultou pessoas ligadas aos bastidores do clube e apurou que não há um motivo específico para a situação, apenas divergências administrativas. O atual prefeito de Belo Horizonte não concorda com a política adotada no clube, sobretudo em relação ao futebol.

Na tarde de ontem (31), em entrevista ao jornal Hoje Em Dia, Kalil foi questionado sobre a atual situação do Atlético: "É preciso achar os responsáveis por esta tragédia". Ele preferiu não se prolongar sobre o tema. Porém, disse que o time "já está a salvo" de um novo descenso para a segunda divisão do torneio.

Mesmo com a divergência atual, há quem acredite, nos bastidores, que a dupla pode voltar a ter a mesma relação do passado. Para isso, os líderes do clube creem que basta uma reunião com entendimento entre as partes.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Futebol