Topo

Futebol


Cruzeiro terá volta de garoto Éderson contra o Botafogo; veja provável time

Peça-chave no meio-campo do Cruzeiro, Éderson está de volta ao time para formar dupla de volantes ao lado de Henrique - Vinnicius Silva/Cruzeiro
Peça-chave no meio-campo do Cruzeiro, Éderson está de volta ao time para formar dupla de volantes ao lado de Henrique Imagem: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Do UOL, em Belo Horizonte

30/10/2019 04h00

O Cruzeiro não contará com muitas mudanças, mas terá um retorno importante para a partida contra o Botafogo, às 21h30 de hoje. Para o confronto válido pela 29ª rodada do Brasileirão, a equipe celeste terá de volta o garoto Éderson, que volta de suspensão.

Com 20 anos de idade, o volante Éderson se transformou em um dos jogadores mais importantes do Cruzeiro. O atleta passou a ganhar mais chances com Rogério Ceni e acabou se firmando de vez no time de Abel Braga. Na rodada passada, o atleta estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Agora, Jadson deve voltar para o banco de reservas.

Com 29 pontos na tabela, o Cruzeiro encara a partida no Engenhão como mais uma decisão. Se o time celeste vencer, a equipe de Abel Braga vai terminar a rodada fora do Z-4 após dez jogos. Além disso, o Botafogo tem 33 pontos, o que aumenta a importância do jogo por se tratar de um concorrente direto na luta contra o descenso.

Provável escalação: Fábio; Orejuela, Fabrício Bruno, Cacá e Egídio; Henrique, Éderson; Thiago Neves, Robinho, David; Fred. Técnico: Abel Braga.

Principais dúvidas: o zagueiro Léo está recuperado de uma lesão na clavícula e já voltou a treinar com o grupo, mas ainda não deve recuperar o posto de titular. Se começar jogando, Cacá deverá ir para o banco.

Pendurados: Ariel Cabral, Dedé, Edilson, Fábio, Fabrício Bruno, Fred, Jadson, Marquinhos Gabriel, Orejuela, Pedro Rocha e Rodriguinhos são os atuais jogadores na lista de pendurados.

Suspensos: a Raposa não tem jogadores suspensos para o jogo no Rio.

Lesionados: Pedro Rocha (tornozelo esquerdo), Rodriguinho e Dedé (joelho direito) seguem em tratamento no departamento médico.

Futebol