PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Daniel se destaca no Fluminense em meio a testes e negocia renovação

Daniel em ação pelo Fluminense durante partida contra a Chapecoense; meio-campista foi um dos destaques do jogo - Lucas Merçon/Fluminense F.C.
Daniel em ação pelo Fluminense durante partida contra a Chapecoense; meio-campista foi um dos destaques do jogo Imagem: Lucas Merçon/Fluminense F.C.

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

28/10/2019 04h00

Aos 31 minutos do segundo do empate entre Fluminense e Chapecoense, nesse sábado (26), vaias puderam ser ouvidas no Maracanã. A reação se deu após o técnico Marcão tirar Daniel, um dos destaques do Tricolor até então, para promover a entrada do atacante Lucão. A boa atuação do meio-campista acontece em meio a mudanças no time titular e reuniões por uma possível renovação de seu contrato, que vai até o fim do ano.

No empate com a Chapecoense, Daniel, uma das apostas do ex-técnico Fernando Diniz para esta temporada, foi autor da assistência para o gol de Marcos Paulo. Além disso, o jogador de 23 anos de idade foi líder do time em passes (com 78) e segundo com mais posse de bola, com 7,21%, atrás apenas de Caio Henrique, que registrou 10,93%.

Aos poucos, o camisa 20 vai recuperando o espaço que havia perdido sob o comando de Oswaldo de Oliveira e assegurando vaga em um setor que não parece ter titulares absolutos. Na última rodada, por exemplo, Ganso, maior contratação do Fluminense para 2019, começou no banco.

Paralelamente a isso tudo, há negociações entre a diretoria tricolor e pessoas que cuidam da carreira da Daniel para uma renovação de contrato. O vínculo atual vai apenas até o fim do ano, e até o momento não se chegou a um denominador comum para que um novo seja assinado.

Até aqui, os valores colocados à mesa e algumas pendências financeiras do Fluminense com o jogador emperram o acordo, que já chegou a ser dado como "encaminhado". Há ainda uma preocupação: a temporada entra na reta final, e os clubes começam a buscar reforços. Assim, o Tricolor pode ganhar concorrência por Daniel.

"As conversas estão boas, está encaminhada a renovação. Tenho vontade de permanecer no Fluminense. Espero que dê tudo certo para renovar esse contrato", disse o meia, em entrevista coletiva concedida em agosto.

Nem vive situação oposta

Se Daniel vem "ganhando pontos", outra cria das categorias do Fluminense vive momento contrário. Wellington Nem, que tem os direitos ligados ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, voltou ao clube no meio deste ano sob holofotes, mas ainda não conseguiu engrenar nesta passagem por Laranjeiras.

Contra a Chapecoense, partida em que foi titular, o atacante acabou se tornando um dos alvos das críticas dos torcedores tricolores.

Fluminense